terça-feira, 28 de outubro de 2014

fifty ♡

Liza: quem? que cara? de..deixa eu ver -falei pegando o celular da mão dele. Na verdade quase derrubei de novo pois estava tremendo. Li de novo disfarçando mas tinha certeza que era o Chrystian. Voltei a olhar pra ele de novo- Ph: vai me falar que não sabe quem é? Liza: é..é..eu.. Ph: tá gaguejando porque? É simples, só me falar quem é pra começar. -ele falou olhando fundo nos meus olhos. Era visível a raiva dele. Eu sou uma burra mesmo.Não sabia o que falar- quer dizer que conversar e debochar da minha cara com esse mlk você sabe. Agora ser mulher pra falar na minha cara né Liza: calma, eu vou te explicar Ph: ah vai me explicar? -riu irônico- parece que eu tô vendo a Giovanna aqui na minha frente de novo. Foi bem assim.. Não tem mais troxa que eu mano. De novo, do mesmo jeito!! -ele já estava muito nervoso e eu ficava cada vez mais quente- Liza: por favor calma, deixa eu falar. Eu não sou igual a ela você sabe disso! Esse..esse mlk é aquele que eu fiquei na balada e.. -fui interrompida- Ph: aquele que você ficou na balada? então tá vocês dois fazendo o jogardorzinho aqui de otário! Liza: não, não, pelo amor de Deus não é isso. -tentei me aproximar e pegar no rosto dele mas ele me empurrou- Ph: para!! Sua mentirosa, como eu pude ser tão imbecil duas vezes cara.. Eu não tô acreditando .. Logo você, você!! Cara, eu te amei de verdade garota!! Liza: não, você ainda ama, deixa eu te explicar. Eu falei com esse menino 3 vezes na vida sei lá! Ph: nossa mas aquele dia deu tempo de trocar contatos com ele? Bem rápida você né?
Liza: não!! Ele me achou no face, me chamou umas duas vezes, mas você pode até olhar lá que eu nem dei moral, depois eu vi ele uma vez num barzinho mas foi rápido, nem falei com ele direito, e depois ele me chamou hoje mais cedo mas eu nem respondi. E agora isso. Ph: e tudo isso pelas minhas costas? Esse dia no barzinho eu tava com certeza! E teu número brotou no celular dele? Liza: eu que dei .. -ele riu- Ph: nossa .. eu vou embora antes que eu faça merda. Pega um taxi, ou chama esse playboy pra te buscar. -saiu andando e eu me desesperei. Fui indo atrás dele até pegar no seu braço o fazendo parar. Eu quase chorava, estava realmente desesperada- Liza: deixa eu terminaaar.. Ph: eu não quero mais ouvir Lizandra, o pouco que eu ouvi foi muito, eu não esperava isso. Preciso.. sei lá, ficar sozinho. Liza: calma, o dia que eu dei meu número foi o dia que você tava negociando coisas com aquele Tomás sei lá o que. Eu tava nervosa, puta contigo, aí ele me pediu e disse que não ia me incomodar e eu dei. Ph: e não pensou que eu pudesse ver as conversinhas de vocês? Liza: mas não teve conversa nenhumaaa!! Ph: tá bom "deusa" -fez aspas- agora deixa o jogadorzinho troxa aqui ir embora. -ele nem olhava mais pra minha cara. Aquilo tava doendo tanto! E sabendo que a culpa era minha- Liza: não faz assim, eu errei em não ter te falado que já falei com ele outras vezes mas não aconteceu nada Ph: tá, primeiro você me deixa plantado mó cara lá dentro e agora eu descubro isso! Preciso de mais algum motivo? Ou melhor, tem mais algum motivo pra eu desconfiar de vocé. Liza: não, não tem mais motivo nenhum. Eu juro que demorei porque tava muito cheio, e juro que falei poucas vezes com esse menino. Ph: jurar é fácil né? Já recebi muitas juras que não valiam de nada. -falou me encarando e eu nem tive o que falar pra rebater. Ele se virou de novo e foi indo embora. Eu não pudia deixar meu amor ir embora! Ainda mais com raiva de mim. Corri mais uma vez até ele, o fazendo parar e me olhar. Nesse momento tive a sensação de ver seus olhos marejados. Aff eu sou a pior pessoa do mundo!- Liza: olha pra mim, olha! -ele olhou e eu coloquei minha mão em seu rosto- é o seu amor que tá aqui. A menina que te ama incondicionalmente e que tá te jurando, olhando nos teus olhos, que não aconteceu e nunca vai acontecer NADA entre mim e alguém que não seja você. Porque mesmo antes de você saber, eu já tinha te escolhido. Eu já sonhava com o teu beijo, teu cheiro, teu amor! -quando eu disse isso parece que ele se desarmou. O olhar de raiva deu lugar ao somente de tristeza- Depois de tudo o que a gente passou, de tudo o que eu sofri te esperando, você acha que eu ia botar tudo á perder por causa de um mauricinho? Pelo teu dinheiro ou algo do tipo? Você sabe que não é problema pra mim. É em você que eu penso 24horas por dia. Eu nunca, nunca teria coragem de trair tua confiança por nada!! -á essa hora algumas lágrimas já rolavam no meu rosto. E ele continuava me olhando triste- por favor.. fala alguma coisa. -ele respirou fundo- Ph: eu.. não sei o que falar agora. Tô muito decepcionado com você. Liza: eu sei, mas me perdoa. Eu errei em ter escondido isso de você mas eu te amo! Disso você não pode duvidar. Ph: eu preciso ficar sozinho, preciso pensar.. -respirei vendo que hoje não ia adiantar falar nada pra ele.Ele estava frio- Liza: tudo bem então. Quando você quiser, e tiver de cabeça fria a gente conversa -limpei as lágrimas- pode ir, eu vou chamar um taxi. -me virei com o coração na mão e fui indo embora- Ph: hei! -olhei pra ele- você acha que eu vou deixar você aqui sozinha? Eu te levo, vem. Liza: não, você disse que precisava ficar sozinho. E acho que eu também preciso Ph: ah não precisa ficar com orgulho bobo agora. Eu levo você, se quiser ir calada beleza. Liza: então tá. -logico que eu iria né. Fomos até o carro dele, entramos e fomos saindo dali. Calados.. Isso me matava. Eu sabendo que ele tava com raiva de mim. Sentia vontade de desabar no choro, mas o que eu tinha que falar eu falei. Se ele não me desculpar é porque realmente não mereço. Ai pqp! Porque não dei logo um fora naquele mlk? Mas também, muitas vezes ele teve uma parcela de culpa.. Ai, não! Não posso ficar pondo a culpa nele sendo que é minha. Agora já estamos na estrada. Ele ligou o som na fm e foi mudando as estações. E por uma conhecidência acabou parando em uma que estava tocando "Até ver você", a primeira música que ele cantou pra mim e que daquele dia em diante ficou sendo nossa. Nos olhamos. O meu olhar pedia perdão e o dele queria perdoar mas não era tão fácil assim. Ele deixou naquela música e eu abaixei a cabeça. Ele voltou o olhar pra direção e eu fui me lembrando de todos os nossos momentos de amor. Será que está tudo perdido?[..] Acabamos de entrar na minha rua. Ele foi estacionando o carro na minha porta e eu procurando as palavras certas pra falar- é.. Então, a gente se fala. Se você quiser. -ele assentiu, nem queria papo, então saí do carro. Fui pra calçada e ele arrancou. Saiu acelerando. É horrível essa sensação de não saber o que vai acontecer. Entrei em casa, fui pro quarto, tomei um banho rápido, coloquei meu pijama e deitei. Virei pro lado e ainda fiquei longos minutos pensando até adormecer.[..] Acordei com o sol invadindo meu quarto nesse domingo. Levantei, fiz minhas higienes, troquei de roupa e fui pra cozinha. Encontrei meus pais tomando café.- Liza: bom dia -sentei- Flávia e Rodrigo: bom dia Flávia: chegou tarde ontem né? Sua cara tá péssima nem deve ter durmido direito. -mãe é foda- Liza: é, durmi mal mesmo. Mas nem foi por chegar tarde. -coloquei ades num copo e peguei uma torrada- Rodrigo: brigou com o jogador? -riu- Liza: não, e se tivesse brigado não é nada engraçado Rodrigo: hmm então brigou Flávia: para Rodrigo! Rodrigo: que foi? Fala filha, o que aconteceu? -falou debochado- Liza: af não sei como minha mãe te aguenta
Rodrigo: eu sou irresistível -se gabou e a gente riu.- Flávia: mas vocês tão bem ou não filha? Liza: ah a gente tá meio brigado sim. Rodrigo: eu falei que jogador é foda Liza: jogador? Pro teu governo seu Rodrigo, ele não fez nada, quem fez foi eu. Flávia: fez o que? Liza: escondi umas coisas dele. Mas deixa pra lá.. Vai pra loja hoje? Flávia: hoje não. Vou fazer compras com o seu pai. Quer vir? Liza: até iria .. mas tenho trabalho pra fazer e tenho que passar umas falas do curso Rodrigo: hm, então não trago seu diamante negro Liza: aff -ele riu- Flávia: eu trago filha, quer mais alguma coisa? -falei pra ela umas besteiras que eu queria. Eles terminaram o café, e foram se trocar pra ir. Depois que terminei, tirei a mesa, e lavei tudo enquanto eles sairam. Dei uma geral na cozinha e na casa. Depois voltei pro quarto pra fazer meu trabalho e passar umas falas. [..] Agora são 17:20. Tô aqui deitada na minha cama vendo o jogo. Santos x Atlético-MG aqui na vila. Até agora tá 0x0 do segundo tempo mas o Santos tá foda! Toda hora acerta a trave. O Ph tava ótimo, criando várias jogadas e dando aqueles passes que só ele sabe dar. Fiquei olhando pra ele com a mesma admiração de sempre, e de repente foi como se eu estivesse vendo ele distante novamente. Como se eu não pudesse alcançá-lo, assim como era antes. Me bateu um medo tão grande de nunca mais poder abraçar e chamar ele de meu. No mesmo instante que pensei nisso ele deu um passe certeiro pro gol do Juninho. Fiquei olhando eles comemorarem tão felizes, tão parceiros. O medo se habitou em mim. Como se eu soubesse que meu relacionamento com ele fosse frágil demais. Tão frágil á ponto de nunca mais nos falarmos depois de uma única briga. E definitivamente não é isso que eu quero. Continuei vendo o jogo sem deixar de pensar nisso. Acabou mesmo no 1x0 pro Santos. Me levantei, fui na cozinha e minha mãe já tinha guardado toda a compra. Fiz um misto quente e comi com suco de laranja. Quando terminei ouvi meu iphone tocando. Corri até o quarto e era a Dinha. Atendi-
~cdl~ Liza: oi Dinha: oooo cachorra, não responde o whats carai Liza: tava na cozinha po Dinha: viu o gol do meu mozão com passe do seu mozão? Liza: vi o gol do seu mozão com o passe do Ganso -ela riu- Dinha: quanto tempo que tu não chama ele de Ganso. Tá com raiva dele? Liza: ele tá com raiva de mim Dinha: porque? Vem aqui me contar. A Mari chegou agora, minha vó, meus tios e meus primos tão aqui. Já vão embora. Liza: tá bom, vou aí dar um beijo neles e conto pra vocês. Dinha: beleza, beijo Liza: beijo ~fdl~ Desliguei. Troquei de roupa, avisei meus pais que ia lá e saí. Fui até a casa da Dinha, apertei a campainha e logo a tia Luísa abriu a porta.[..] Tô aqui no quarto da Dinha com ela e a Mari. Acabei de contar o que aconteceu ontem- Mari: tu tem mel nessa pepeca -rimos- Dinha: porra aquele Chrystian é um gatoooo Liza: um gato preto, que dá azar Mari: é, ele te ferrou. Não te chamou mais? Liza: acho que desistiu.
Dinha: mas então vocês nem marcaram de se falar, tu e o Paulinho? Liza: não. Eu falei "a gente se fala" e ele fez que sim com a cabeça, aí eu saí do carro. Dinha: vishh Mari: e o que tu vai fazer? Liza: não sei se eu espero uns dias ou vou atrás hoje mesmo. Dinha: eu nem iria atrás -riu- Mari: e eu esperaria uns dias. Maaas, como nós temos personalidades diferentes, sei que a Dinha ficaria de orgulho, eu esperaria por estar insegura mas tu.. Quer ir atrás não é? Liza: é! -rimos- Dinha: então vai. Ele sabe como tu é, ele deve saber que tu vai acabar procurando ele. Mari: verdade, ele sabe que tu não vai aguentar ficar esperando ele querer falar contigo Liza: isso é. Mas, da última vez que eu fiz isso, a gente fez as pazes, transou e depois a Giovanna apareceu -ri- Dinha: aaaii para né? A garota nem deve mais lembrar que vocês existem. Liza: mas não falo dela em sim né, falo de sei lá, acabar dando tudo errado Mari: olha, se for pra dar tudo errado vai dar logo no começo. Você tem que chegar e falar, vai me desculpar? Se sim beleza, se não, tchau! -rimos- Dinha: nossa Mari, essa gravidez tá te fazendo bem Liza: né, já tá com instinto de mãe dando uns conselhos monstros. Mari: lógico, meu filho ou filha não vai ser troxa de namorado ou namorada. Dinha: isso aí, mas eaí vai fazer o que? Liza: não seiii -ri- Mari: ó, uma hora dessas ele já chegou em casa. Liza: calma, vou pensar. Ele nem me chamou no whats nem nada hoje. Dinha: ele tá chateado Liza. Vai lá logo. a família dele ainda tá lá?
Liza: não, só os pais mesmo. Dinha: melhor ainda, vai logoo Mari: vaai, vaai, vaai, vaai -"cantou" batendo palma e eu ri- Liza: ai meu deeeeeuss.. Tá, eu vou. Dinha e Mari: aeeeee Dinha: então xispa daqui e vai logo Liza: ai credo -ri- Mari: vai, e liga pra contar. Liza: tá booom chatas -levantei- Mari: boa sorte, tchau Dinha: é, boa sorte Liza: tá -ri- tchau. -saí dali correeendo, fui em casa, tomei um banho rápido, me troquei, peguei tudo e saí que meus pais nem viram. Sei lá se tô fazendo o certo mais, preciso saber dele pelo menos. Fui até o ponto, peguei um taxi e parti. Fui o caminho todo aflita, nem sabia o que ia falar quando chegasse lá. Quando cheguei, paguei, desci do taxi e fui até a portaria.- oi boa tarde, você pode interfonar no 905 e me anunciar por favor? Porteiro: lá no seu Paulo Henrique? -assenti- claro, qual seu nome mesmo? Você é a namorada dele né? Liza: isso, é Lizandra Porteiro: se eu não me engano o carro ele saiu agorinha, mas vou interfonar -interfonou. Só falta né- Dona Creuza pediu pra você subir que ele já volta. Liza: ah sim, obrigada -entrei, peguei o elevador e subi. Onde será que ele foi? Na minha casa que não né. Cheguei no andar, apertei a campainha e a Dona Creuza mesmo que abriu- Creuza: oooi querida, que bom te ver, entre -sorri, entrei e a cumprimentei com um beijo no rosto- o Paulo Henrique foi buscar uma pizza mas já volta -ufa- Liza: ah sim obrigada, boa noite seu Julio -falei e dei um beijo no rosto dele- Júlio: boa noite linda, eai tudo bem? Liza: tô bem -sorri- Creuza: senta aí. -sentei no sofá- A gente tava aqui na sala mesmo porque a casa fica vazia demais né? Então se ficar cada um num quarto é quase morando separados -rimos- Liza: verdade, essa casa é enorme. A minha que é bem menor as vezes sinto falta da voz dos meus pais. -ela riu de leve- Júlio: falando nisso vamos marcar qualquer dia pra jantarmos todos juntos num restaurante. Liza: claro, meus pais adorariam, já falaram nisso também Creuza: ótimo, então depois marcamos Liza: claro -sorri. Fiquei ali papeando com eles uns minutinhos. Mas sabia que o Ph chegaria á qualquer momento. Eu suava.- Creuza: aceita uma água, um suco por enquanto? Liza: aceito uma água sim. Mas se a senhora quiser eu pego, não quero incomodar Creuza: imagina querida! Se bem que você já é de casa né? Liza: isso -ri- vou lá pegar -me levantei deixando minha bolsa no sofá. Fui até a cozinha, abri a geladeira e quando peguei um copo escutei a porta batendo. Ai deus, é ele!.- Ph: de quem é essa bolsa? Creuza: é da Liza filho, ela tá lá na cozinha. -ouvi eles falando. Tomei logo e água e fui voltando devagar. Quando cheguei na sala só estava ele sentado com a minha bolsinha na mão. Me olhou- Liza: oi -sorri de lado e fui me aproximando e ele colocou a bolsa do outro lado. Me sentei do lado dele- Ph: oi .. não esperava que você viesse Liza: tem certeza? Você sabe que eu não ia aguentar ficar sem saber o que você decidiu Ph: como assim o que eu decidi? Liza: se você vai me desculpar ou não. -ele respirou fundo- Ph: então, eu nem consegui durmir direito, nem sei como me concentrei pro jogo. Eu sei que você é meio impulsiva, e talvez por isso tenha passado o número pra esse cara aí. Mas você tem que entender que agora é diferente. Eu sou seu namorado, não tem mais ninguém entre a gente. Então não precisamos viver em picuinhas que só vão estragar nosso relacionamento. Quando você ficar com raiva de mim, me bate sei lá, mas não faz isso. Liza: mas quando eu passei, a gente nem namorava ainda. Ele foi me chamar ontem mesmo, disse que não tava no brasil mas eu nem respondi. Se você quiser pode ver, meu celular tá aí na bolsa. Ph: eu não quero ver, eu confio em você. Sei que você não fez nada, sei que não deu mais moral porque eu sei que você me ama. Mas não dava pra ficar de boa concorda? -assenti- e se você passou antes, beleza. Só não faz mais essas coisas por impulso porque pareceu ali que vocês tavam debochando de mim, e eu já passei por isso. Liza: não, é que no face ele veio com esse negocio de deusa aí das outras duas vezes me chamou assim também. Não sei de onde ele tirou isso. -ele riu com o nariz- Ph: porque você é mesmo uma deusa. Só que é a minha deusa. -sorri sem mostrar os dentes.- Só não faz mais isso. Já falei. Quando tiver com raiva de mim, pode me bater que eu deixo. Só não sai por aí como se não tivesse dono porque você tem! Liza: eu sei que tenho, prometo que vou ser menos impulsiva. Me desculpa? Ph: falando com esse biquinho tremendo aí. -é eu tava quase chorando e aí não aguentei. Dei risada e deixei escapar uma lágrima.- não é pra choraaaaar, -me abraçou- você é muito manhosinha. -dei risada- Liza: você gosta, é meu charme Ph: tudo em você é charme. -soltei dele e "demos" um selinho- tá com fome manhosinha? Liza: siiimmm. É de calabresa? Ph: é -riu- Liza: ai, senti o cheiro mesmo. Ph: vamo lá comer -levantei e fomos pra sala de jantar. Seu Julio e Dona Creuza já estavam saindo. Sentei lá pra comer com ele. Ai Deus, obrigada, obrigada, obrigada!! Me livrei de uma kk, preciso mesmo ser menos impulsiva. Porque a única coisa boa que eu tirei dessa história com esse mlk, é o aumento da minha auto-estima kk. [..] ~Liza off~
~Amanda on~ Fazendo um balanço da noite de ontem até que foi boa. Depois daquela hora eu e o Junior ficamos numa boa, e foi bom pra ele aprender que eu não sou boba. E depois disso correu tudo perfeitamente. Não desgrudamos um segundo e quando ele veio me trazer aqui o carro quase pegou fogo com a nossa pegação kk. Ele queria de todo jeito ir pra "algum lugar". Eu também queria mas já tava tarde. Fiz apenas uns agradinhos orais nele só pra ele não passar vontade, depois entrei. E pra falar a verdade eu não resisto nem a respiração desse garoto! Kk. Hoje minha vó, meus tios e meus primos vieram almoçar aqui. Nos divertimos muito, e não teve clima de tristeza assim como meu vó sempre preferiu. No fim da tarde eles foram embora. Agora já são 22h03. Tô aqui no meu quarti de bobeira. Falei com o Junior faz um tempo já e não é que ele ainda tá com fogo? Disse que eu tinha que fazer isso mais vezes . Levantei da cama, peguei minha mochila e fui arrumar meus materiais pra amanhã. Assim que peguei o caderno ouvi meu iphone tocar, fui até ele, peguei e era a Alice. Atendi-
~cdl~ Dinha: oi Alice Alice: oi querida, tudo bem? Tava durmindo? Dinha: tô bem e você? Não tava durmindo ainda não pode falar Alice: então, eu liguei rapidinho pra te dar uma ótima notícia. Dinha: é mesmo? Então falaaa -ri- Alice: lembra que te disse que rolou uma proposta da Hering pra gente? Dinha: lembro sim Alice: então, eu mostrei você pra eles e eles adoraram seu perfil e disseram que você se encaixaria perfeitamente na ideia que eles estão pensando. Dinha: ai meu Deus!! Eles me queremm???? Alice: querem!! Dinha: AHHH -soltei um grito e ela riu- não acredito Aliceee, minha primeira campanha!! -falei e minha mãe entrou no quarto- Alice: sim, primeira de muitas minha linda. Dinha: cara, eu nem sei o que falar, como agradecer. Eu tô muiiiito feliz. -eu tava eufórica- Alice: não precisa agradecer, sei que você vai fazer um bom trabalho. Eu também fiquei muito feliz por você Dinha: nossa eu tô doida aqui -ri- Alice: olha, eles estão com muita pressa, então você vem até aqui amanhã 13h30 da tarde junto com a sua mãe pra vocês assinarem contrato, combinar cachê e saber mais sobre a campanha. Dinha: tá bom pode deixar, vou falar com a minha mãe agora. Alice: tá bom,eu vou ter que desligar agora tá? Parabéns! Dinha: ai muito obrigada Alice!! Alice: nada querida, beijo. Dinha: beijo. ~fdl~ Luísa: era a Alice? O que era? Dinha: AAAAAII!! -gritei e pulei minha mãe a abraçando- Luísa: o que ela disse?? -me soltei- Dinha: eu vou fazer uma campanha pra Heriiing!!!! Luísa: mentira? Não acredito filhaaaaa -me abraçou de novo- Dinha: nem euuuu! A Alice é foda mãe, tô muito feliz -nos soltamos de novo- Luísa: eu também tô muito feliz por você. Nossa vou ligar pra ela agora pra agradecer. Dinha: ela disse que é pra eu e você tá amanhã 13h30 lá pra assinar contrato e combinar cachê. Luísa: então te busco na escola e a gente já vai. Dinha: isso! Aii tô muito feliiiizzz -rimos.- Luísa: vou falar pro teu pai. -saiu do quarto. Caí na cama vibrando de alegria. Eu numa campanha profissional caraaaa ! Se não fosse tão tarde eu ligava pro Junior. Peguei o celular pra falar pras meninas, e meu pai entrou no quarto. Me deu os parabéns, falou um pouco comigo depois saiu. Abri o whats.- ~sisters ∞ ~ Dinha: meeeeeeoooo vocês não vão acreditaaaaaar Mari: que foi bixaaa? Dinha: eu vou fazer uma campanha pra heriiiiiing!!! 💕🎊 Mari: queeee???? Sérioooo??? Caralho amiga, parabéns, pqp!!! Como isso?? Dinha: a Alice acabou de me ligar, amanhã vou assinar o contrato já!!
Mari: nossa meo, a Hering é fodaa que sonho!! Dinha: tô muito feliz caralhooo Liza: o queeeee?? Não acreditooo!! Ai que felicidade meooo. Mil vezes parabéns amigaaaa Dinha: eu também tô explodindo de felicidade!!! Liza: já falou pro Junior? Dinha: ainda não, vou falar só amanhã. Mari: ele vai piraaaar kkkkk Dinha: espero que pire de orgulho né? Liza: claro que vai ser de orgulho. Logo pra Hering que é mó famosa vlhh Mari: é, tem que pirar de orgulho se não vai dar problema kkk Dinha: ai não quero saber. Tô feliz e nada vai estragar isso, muito menos ele. Liza: isso aeee Mari: então tu vai lá amanhã? Dinha: vouuu, minha mãe vai me buscar Liza: caroninha rola? Dinha: rola kkkk a gente vai almoçar antes Liza: beleza kkkk Fiquei falando mais um pouco com elas e depois saí porque tava morrendo de sono. Com sono mas não queria nem durmir. Não parava de imaginar essa campanha. Se todo mundo ia ver, se ia ser em catálogo, se ia ser em cartaz. Que sonhooo!! Bom, coloquei meu pijama, deitei, e depois de mais um tempo viajando, acabei adormecendo. [..] Segunda-feira, tô na última aula já. Passou voando a escola hoje graças a Deus. Estávamos esperando o sinal tocar e ele acabou de bater kk. Fui pro banheiro com as meninas, troquei de roupa, a Liza aproveitou e trocou também. Agora estamos saindo, avistei o carro da minha mãe de longe- Mari: então tchau chatas, merda pra você -falou pra Liza- e sorte pra você -falou pra mim e nós rimos-
Liza: tchau barriguda Dinha: tchau mamãe -ela acenou, foi embora e eu e a Liza entramos no carro da minha mãe. Partimos rumo a um restaurante perto da agência. Achamos um lá, minha mãe estacionou e entramos. Sentamos na mesa, fiz o pedido e ficamos conversando enquanto esperávamos. Cara, eu tava aflitaaa. Não sabia o que eles achariam de mim pessoalmente e tal. Vai que me acham simples demais, não sei. Bom, depois de almoçarmos, minha mãe pagou e como já estávamos em cima da hora fomos saindo. Me despedi da Liza e eu e minha mãe fomos indo rumo a agência. Assim que chegamos em frente eu tava comooo? Suando! [..] Estamos saindo agora daqui da agência. Foi tudo perfeito! Estavam dois representantes da loja, super simpáticos. Adorei eles e acho que foi recíproco. Eles me explicaram tudinho, e como eles estão com um pouco de pressa pra lançar a nova coleção vai ser na quarta feira já durante um dia inteiro num estúdio lá. Sim, vão ser cartazes, catálogos e tudo mais que vão ficar espalhados pelas lojas. O cachê é beeeem significativo kk E por último, eles querem um casal. Ou seja, vai ser eu e um outro menino de lá que eles não decidiram ainda. Por mim de boa mas sei que o Junior vai implicar. Fazer o que né kk. Bom, eu tô tão feliz que transborda. Entrei no carro com a minha mãe fomos comentando sobre isso o caminho todo. Ela me deixou em casa e foi pra loja. Entrei e fui direto pro quarto. Lá tomei um banho, depois fui na cozinha fiz um lanchinho, voltei pro quarto e decidi ligar pro Junior. Peguei o iphone, me joguei na cama, liguei e logo ele atendeu-
~cdl~ Njr: fala gostosa Dinha: fala magrelo Njr: nossa, carinho recíproco hein Dinha: sempre -ri- tá ocupado? Njr: pra você nunca Dinha: haha tô com moral mesmo então Njr: claro, claro -rimos- já ia te ligar mesmo. Vamo se ver hoje? -parece que adivinhou- Dinha: vamo sim, preciso conversar contigo mesmo Njr: hmmm, tô curioso já Dinha: é coisa boa -ri- Njr: beleza então Dinha: vamo ficar por aqui mesmo? Njr: não, vamo vim aqui pra casa po. Dinha: tá bom, mas sem segundas intenções hein? Njr: de jeito nenhum, só terceiras -gargalhei- Dinha: idiotaaa Njr: ó, então umas nove horas tô aí Dinha: beleza neguinho Njr: então tá neguinha -ri- Dinha: vou desligar porque não tenho mais nada pra falar, á não ser mais tarde Njr: tá bom então -riu- até mais tarde Dinha: até maisss beijo Njr: beijo loira, tchau Dinha: tchau ~fdl~ Desliguei. Parece que ele adivinhou que eu não queria falar por telefone né?. Liguei a tv do quarto, continuei deitada ali passando o tempo. [..] Tô saindo agora do banho. Passei meus cremes, me vesti colocando uma calça jeans, blusinha normal e uma rasteirinha fechada. Penteei o cabelo, passei só lápis e rímel, perfume. Peguei meu iphone e fui até a sala onde meus pais estavam.- Eduardo: vai sair? Dinha: vou na casa do Junior Luísa: vê se não volta tarde que amanhã você tem aula Dinha: eu sei né mãe -ri- vou esperar ele ali fora -falei e fui pra varanda. Lá peguei o iphone de novo, abri o insta e fiquei olhando o feed. Depois de uns minutinhos vi o carro do Junior entrando na rua e fui descendo. Quando ele encostou, entrei no carro.- Dinha: boa noite jogador -ri debochada- Njr: boa noite patricinha Dinha: patricinha? -ele riu- Njr: sim, daquelas bem melosinhas, frufruzentas Dinha: teu rabo -ri e ele acabou rindo também- partiu? Njr: bora vida Dinha: vida? Ai credo Junior -ri- Njr: prefere neném? Dinha: ecaaaa -fingi ânsia, ele riu e deu partida- Njr: nunca vi uma ogra tão linda Dinha: não? Prazer -ri e ele balançou a cabeça negativamente sorrindo. Fomos o caminho conversando nesse clima. Quando chegamos na garagem, ele estacionou, descemos, ele travou, e veio me abraçando por trás. Subimos de elevador, na cobertura ele foi abrindo a porta do apê. Entramos e taca todo mundo na sala- Njr: chegamo famíliaa Dinha: oi, boa noite -sorri pra todos- Nadine: menino cê nem disse que ia trazer a Dinha -se levantou e me cumprimentou com um abraço- tudo bem querida? Dinha: tudo ótimo tia Nadine: se eu soubesse que você vinha tinha feito um bolo, ou alguma coisa. Neymar: agora ela tá aqui, pode ir lá fazer -rimos e ele beijou meu rosto- Rafa: o último abraço é o meu e tem que ser o melhoooor Dinha: claro cu, claaaro -ri e abraçei ela- mas não quero incomodar viu tia? Não tô com fome pode ficar tranquila Nadine: magina se eu deixo você ir embora sem exprementar meu bolo de chocolate. Njr: hmmm aí sim hein haha. Leva lá em cima tá? -falou me puxando- Dinha: Junior, seu folgado -sorri toda sem graça e ele continuou me levando. Subimos as escadas, fomos andando pelo corredor até chegar no quarto dele, onde entramos. Ele fechou a porta.- Dinha: não sei porque fechar a porta. -assim que terminei de falar senti ele me agarrando por trás- Njr: não sabe mesmo é? -falou bem no meu ouvido e eu o empurrei- Dinha: af você me chamou aqui pra isso? Njr: claro que não, tu não queria falar comigo? Dinha: quero mas você já veio cheio de fogo -fiz cara de tédio- Njr: ah não faz essa cara não que é tudo culpa sua -riu- Dinha: tá, tá. Posso falar agora? Njr: pode loira -deitou na cama e ligou a tv. Sentei na cama do lado dele- fala Dinha: entãooo, lembra que eu te falei, que a mulher da agência ia ver uma campanha pra mim?? Njr: lembro Dinha: ela arrumooooou!! -falei toda animada- Njr: nossa amor, sério? Porra parabéns!! -pegou meu rosto todo animado também e beijou minha testa- sabia que ia ser rapidinho, linda desse jeito. -riu- essa mulher gostou mesmo de tu hein? Dinha: ah, acho que é também por ser amiga da minha mãe né? Mas sei lá. Tô muuito feliz! Njr: tô vendo, também tô muito feliz por você minha loira.-sorriu- Mas eai, é uma campanha de que? Já sabe? Dinha: sim, é pra Hering. Aquela loja de roupas sabe? Vai ser na quarta já. Assinei contrato hoje mais cedo. Njr: caralho mas já? Nem me fala nada meo Dinha: quando ela me ligou era mó tarde, aí assinei hoje cedo porque eles tão com pressa. Njr: hmm.. firmeza então. Quero só ver como vai ser isso aí hein. -fingiu ciuminho e eu ri- Mas boa sorte meu amor Dinha: brigada -ri- Njr: agora vem cá vem.. -me puxou me fazendo deitar em cima dele- Dinha: não, para! Tem mais uma coisa -levantei de novo- Njr: falaa -riu- Dinha: não vai ser só eu .. Njr: tu e mais quantas? Dinha: não é 'quantas' e sim 'quanto' Njr: quanto? Como assim? Dinha: é que .. é eu, e mais um menino Njr: menino? Dinha: é, um cara no caso né. Njr: que?? Um cara Amanda? Quem é esse cara? Já começou a palhaçada..-sentou na cama de novo- Dinha: não tem palhaçada nenhuma. É uma trabalho profissional, com pessoas profissionais. A única amadora sou eu Njr: exatamente! Você não vai saber fingir que isso é um trabalho profissiona!! Dinha: você tá me chamando de burra? Acha que eu vou chegar lá e falar 'oi tudo bem' e tascar um beijo na boca do modelo? Da licençaaa Njr: não disse que você vai fazer. Mas você tá começando agora po, tinha que ter um treinamento, sei lá Dinha: você é muuuito machista mesmo! Eu não preciso aprender a fingir nada seu idiota Njr: hei, precisa me chamar de idiota? Não tô brigando com você Dinha: mas já me irritou. Você não me apoia, essa é a verdade. Njr: nada a ver Amanda, eu sempre falava que achava legal você querer ser modelo. Dinha: acha legal e fica me enchendo o saco agora? Njr: não tô enchendo o saco, tô com ciúmes porra! Dinha: ahhh agora você falou o que eu queria ouvir. Njr: é proibido? eu tenho ciúmes mesmo, quem ama tem ciúmes. Você devia achar bom Dinha: tá bom, o ciúme tem sim o lado bom mas você tem que entender que esse agora é meu trabalho. Eu não suporto quando essas marias chuteiras se penduram em você mas eu engulo né? Njr: nem sempre você engole. -riu- Tá eu entendi que esse é teu trabalho, desculpa por te sufocar desse jeito. -fez uma carinha de triste kk- Dinha: Não precisa fazer essa cara -ri- já entendi teu lado também. Njr: tá bom, mas me promete que tu não vai ficar de agarra agarra? Dinha: Junior!! Njr: táá, assunto encerrado então. Mas quero ver as fotos antes Dinha: tá booomm -ri- Njr: agora a senhorita pode vir aqui? Dinha: mas eu já tô aqui Njr: mas é aquiiii -me puxou mais uma vez e eu "caí" em cima dele que não perdeu tempo, segurou meu rosto e fez um beijo começar. Nossas línguas começaram á se entrelaçar num ritmo frenético! Cada vez mais rápido, até ele levar a mão nos meus cabelos sem parar o beijo. Continuamos com aquilo e eu já tava sentindo as coisas esquentarem. Mas eu também tava cheeia de vontade! Fomos parando com selinhos.-hoje é você quem vai comandar! -levantou um pouco o corpo e tirou a camisa oO- Dinha: mas já gatinho? Que isso. -ele riu- Você tá com energia pra isso mesmo? Njr: pra deixar você me comandar? Sempre! -ele falou e eu começei a passar a mão no abdômem dele. Passei minhas pernas, e sentei em cima dele. Desci a boca até sua barriga e começei a beijá-la devagar. Fui subindo a boca com suaves lambidas e ele soltou seu primeiro ruído. Quando cheguei na boca, passei um pouco a língua por ali e depois fui pra orelha, a mordendo e esfregando minha bct no amiguinho dele que já estava bem crescido. Mordi e dei mais algumas lambida até que parei. Levantei de cima dele e abaixei a luz deixando ela beem fraquinha. Voltei pra cama e já subi de novo em cima dele que agora estava com o amigo completamente ereto. Abri sua calça e fui descendo a mesma junto com a cueca, ele me ajudou um pouco até que tirei e joguei longe. Peguei em seu p. e nossa, nesse momento senti minha bct ficar ainda mais molhada. Só de olhar, só de pegar.- Njr: perai, perai -ele falou me empurrando. Sentou na cama e eu continuei sentada em cima dele. O mesmo abriu minha calça. Eu então saí de cima e tirei a calça e a calcinha, voltei por cima e ele começou a beijar meu pescoço. Peguei em seus cabelos já sentindo um puta desejo. Ele então fui subindo minha blusa até tirá-la. Empurrei ele que se deitou de novo. Nossas intimidades estavam encostadas porém eu ainda queria outra coisa antes da penetração. Então cheguei mais pra trás e começei a bater uma pra ele. Ele continuou soltando alguns baixos ruídos. Eu apertava seu p. com cada vez mais vontade. Até que decidi cair de boca. Começei a chupar ali como se chupasse um picolé mesmo kk. Eu lambia dos lados, chupava subindo e descendo enquanto ele ficava cada vez mais inquieto. Peguei nele de novo, batendo pra ele e chupando só a cabecinha. Ele então colocou sua mão em cima da minha cabeça, querendo comandar os movimentos. Eu agora subia e descia a cabeça enfiando seu p. até a goela. Fazia tempo né? Eu tava completamente doida por ele! Depois de algum tempo ele empurrou minha cabeça e me puxou pra cima. Começei a rebolar em cima do p. dele. Ele apertava minhas coxas e eu sentia meu desejo aumentando. Continuei com aquilo e ele gemia.- vamo acabar logo com isso vai.. -falou baixinho. Peguei a camisinha na gaveta, abri e coloquei com a boca no pau dele. Depois subi o corpo de novo, peguei no pau dele e finalmente enfiei na minha bct. Soltamos um gemido juntos. Começei então com os movimentos já que eu estava por cima. Começei a kicar bem devagar fazendo ele sentir cada movimento. Ele então pegou na minha cintura me acompanhando. Fui aumentando a velocidade e o prazer. Ele já gemia alto e eu sentia vontade de gritar quando já estava pulando em cima dele. Apoiei minhas mãos em seu joelho e continuei com aquilo pulando cada vez mais forte enquanto ele agora passava o dedo pelo meu clítoris. Eu estava delirando com aquilo!! Suava de prazer.- vira .. -ele sussurrou. Parei por um instante. Me levantei, fui pro pé da cama e o puxei pelo seu pé. Ele ficou meio confuso mas deixou. Ficou com os pés fora da cama e o resto do corpo deitado. Subi na cama de novo. Fui por cima dele beijando seu pescoço, descendo pela barriga e parei de novo em seu p. Lá dei umas lambidas e uma mordida que o fez se cortorcer. Voltei pra cima, virei de costas e sentei com tudo no pau dele que nesse momento soltou um gemido excitante. Naquela posição, voltei a rebolar. Durou pouco pois meu tesão era tanto que eu já começei a kicar de novo. Ele apertava minha bunda como um travesseiro e eu gemia abafado querendo gritar. Até que ele me empurrou e voltou lá pra cima me puxando. Me fez ficar por baixo e eu fiquei. Subiu em cima de mim já apertando meus seios, veio com vontade na minha boca me beijando avassaladoramente. Estávamos quase nos lambendo, o tesão era enorme! O agarrei pelas costas agora e o mesmo penetrou nessa posição tradicional.Cravei minhas unhas nele sentindo aquele vai e vem delicioso do p. dele na minha bct. Incrível como ele sabe conduzir uma mulher. Passeava suas mãos por todo o meu corpo, mordendo meu pescoço e orelha sem parar de penetrar. Eu achando que não era possível, mas ele consegue me fazer ficar mas louca por ele. Eu gemia anunciando isso.- geme vai delícia, geme -ele sussurrou pra mim e continuou me fazendo enlouquecer com os movimentos. Eu chegava a rir com aquilo! Era maravilhoso demois! Puxei ele de novo colando seu corpo no meu, beijando o rosto dele e me contorcendo toda. Ele ia aumentando a força e a velocidade. Agora segurava minha cintura e eu a cabeceira da cama, enlouquecida de prazer. Fomos assim mais alguns segundos até ele parar e se deitar do meu lado. Me virei de frente pra ele que pegou no meu rosto e começou mais um beijo. Dessa vez calmo de começo, nossas línguas dançavam devagar enquanto nossos corpos se esfregavam mais uma vez. As mãos dele continuavam inquietas e eu estava totalmente entregue á ele. Quando nos cansamos fomos parando o beijo com selinhos. Ele virou meu corpo e eu acabei de me virar ficando de costas pra ele. Ele então deu alguns beijos na minha nuca, pegou de novo minha cintura e foi enfiando seu p. naquela posição. Gemi quase num sussurro e ele começou mais uma vez o vai e vem. Nossa esse mlk é demais!! Não sei explicar a sensação de transar com ele. Não era só sexo, era entrega. Sei que ele foi meu primeiro mas tenho certeza que mesmo que um dia eu "me entregue" pra outro, nenhum será igual a ele. Bom, continuamos com aquilo por alguns minutos até que exautos, acabamos gozando quase juntos.- Njr: vou tomar banho rapidinho, depois tu vai Dinha: tá, só não lava o cabelo pra ninguém lá em baixo disconfiar Njr: tá bom -riu e foi pro banheiro sem nem se enrolar em algum lençol kk. Tá perdendo a vergonha na cara kk. Me enrolei num dos lençóis e fiquei esperando ele, relembrando tudo o que fizemos á pouco. E por falar em vergonha, é isso que bate depois. Ele diz que na cama eu sou exatamente como eu sou mesmo. Uma fera kk. Mas ele nem sabe a vergonha que eu fico depois. Enfim, ele logo saiu, eu peguei minhas roupas e entrei no banheiro. Fiz um coque pra não molhar o cabelo, me lavei, me troquei e saí rapidinho. Quando saí a cama já tava arrumada e ele vestido.- Dinha: ó, isso mesmo, assim que eu gosto -bati palma e ele riu. Fui até a porta e abri a mesma- Njr: pra quê vai abrir a porta? Dinha: tu não sabe nem disfarçar? -sentei na cama do lado dele- Njr: não tem nada pra disfarçar -riu- somos um casal. Dinha: tá bom então da próxima vez você vai lá em baixo e fala "mãe vou subir pra dar uma com a Amanda, depois cê leva o bolo lá em cima" -ele começou a gargalhar.- xxx: licençaa .. -deu uma batidinha na porta. Olhei e era a tia Na, putz kk- achei que fosse encontrar a porta fechada -riu- Njr: credo mãe, teu filho não é taradão não -eu e ela rimos- Nadine: vim falar que o bolo tá pronto viu? Desçam pra comer Njr: beleza, a gente já vai. -ela assentiu e foi saindo- Dinha: será que ela ouviu alguma coisa? Njr: claro que não, tu é muito encabulada -riu e se levantou- bora descer -pegou meu rosto, me deu um selinho e fomos saindo do quarto. Descemos pra sala de jantar e estavam todos se sentando. A Tia Na cortou os pedaços de bolo e distribuiu nos pratos que já estavam com fios de cobertura de chocolate, hmm!! [..] Depois de comer dois pedaços enormes fiquei bem cheia kk. Estamos todos na sala agora conversando agora num clima ótimo. Quer dizer, estávamos né, porque a Rafinha tá agora me contando sobre ela e o Lukas- Dinha: tá mas eu não entendi uma coisa, vocês terminaram e voltaram é isso? Rafa: a gente nem terminou. Ele falou que se afastou um pouco porque eu só saía com o meu irmão e o bonde dele -riu- Dinha: mas ele tá certo sabia? Rafa: ai sei lá, não quero deixar de sair com vocês Dinha: não precisa deixar de sair, só sair mais com ele. Rafa: eu adoro sair só eu e ele. Mas ele começou a ficar chato Dinha: era ciúmes, mas agora ele volta ao normal. Rafa: ai tomara -riu- Dinha: vocês já .. -fingi engasgar e ela entendeu e riu- Rafa: nãooo -riu- mas quase.. eu tenho medo! Dinha: eu também tinha, putz. É que esse negócio de ser com o cara certo realmente é verdade. Tem que ser. Rafa: ah, ele é super carinhoso comigo, acho que seria um sonho acontecer com ele. Dinha: oun -ri- Rafa: uma vez, quase aconteceu no cinemaaa Dinha: aí não né sua doidaa -rimos. Continuamos conversando sobre isso. Depois peguei meu iphone e vi que a Rafa tinha me marcado numa foto no insta.- rafaella: Pode vir ver a gente todo dia tá cu? #paparicosdanadine #bolomagia #soporcausadaloira #moraaquiloira @dinhafontinelli

smilerafa: que delíciaa!! quero a tia Na pra mimmm kk 
maaa_gomes: êê saudade da prendas da tia kk taradasdoju: Tia Na deve ser uma mãezona mesmoo! lukinhascrispin: principenjr: a garota já tá filando uma bóia na casa do menino kkkk.. ai ai #acooordajunior @neymarjr hugsnjr: Hmmm, que delíciaa!! eu querooo bondedotoiss: se eu sou a Dinha não saio mais daí kk mabittencourt: aiii deu água na bocaaa apegodimar: awnn, a Dinha tá na casa deleeees sorriadinha: até em mim deu @mabittencourt kk
blessedrafa: Rafinha com ciúmes?? Até eu teria kkkk 
Parei de ver pra prestar atenção no que eles tavam falando kk. [...] Quarta-Feira!! Acabei de acordar, ainda tô na cama. Não fui pra aula hoje porque daqui a pouco tenho que estar no estúdio pra sessão de fotos da campanha! Tô aqui com sorriso no rosto e anciosíssimaaa. O Junior tá ciente de tudo desde de segunda né. Hoje tem jogo em São Paulo e como vou estar muito cansada não vou. Ele super entendeu, ainda bem. Até porque, não faço idéia de que horas vou sair de lá. A Alice disse que seria dois dias de fotos mas como eles estão em cima da hora vai ser em um só dia, e por isso mesmo estão pagando um pouco mais. Bom, me levantei, fui pro banheiro, fiz minhas higienes, me despí e entrei no banho. Por lá demorei um pouquinho, depois saí, me troquei colocando uma saia branca jeans, uma blusinha branca também de renda, rasteirinha fechada, e fui arrumar minha bolsa. Quando sentei na cama com ela minha mãe entrou no quarto.Ela pegou folga hoje pra ir comigo-
Luísa: querida, já tá pronta?? Vim aqui pra te acordar -riu- Dinha: lógico -ri- você demora mais do que eu. Olha, nem se arrumou ainda. Luísa: verdade, desculpa -riu- vou correr, vai tomar café enquanto isso, a mesa tá pronta. -assenti e ela saiu. Terminei de arrumar minha bolsa, peguei meu óculos escuro e fui indo pra cozinha. Deixei tudo numa das cadeiras e sentei. Tomei meu café bem reforçado, comi até não aguentar porque sabia que o dia ia ser cheio. Quando acabei vi minha mãe entrando na cozinha.- Dinha: já comeu? Luísa: já, eu comi assim que acordei. Vou só comer uma maçã. E ó, leva uma tá? Não sei quando vamos poder parar pra almoçar -assenti. Peguei uma maçã, enrolei no papel filme e coloquei dentro pra bolsa. Corri no meu quarto, escovei os dentes, passei só lápis, coloquei o óculos e minha mãe tava me esperando na sala. Então partimoss. [..] Acabei de chegar aqui no estúdio. Estamos subindo com a Alice pra onde será as primeiras fotos.- Alice: é aqui, -entramos- deixa eu te apresentar nosso modelo. Ele vai fotografar com você. -olhei pra onde ela apontava e vi um rapaz de costas, de calça jeans, tênis e camisa preta. Parecia beeem play boy e era mega pontual né? Cheguei na hora e ele já tava aqui.- Luan??-ela o chamou. Ele olhou pra trás e o sorriso dele quase me cegou!! kk. Olhou diretamente pra mim com aquele dentes exageradamente brancos e iluminados. Sorri também,e só pra constar o que já está claro, ele é LIN-DO!.. E me parece bem familiar.- essa é a Amanda, a modelo que vai fotografar com você. -ele me estendeu a mão, eu peguei. Me deu beijo no rosto.. cheiroso.- Luan: Amanda Fontinelli, muito prazer. -ele já sabe meu sobrenome, oh cristo- Dinha: muito prazer, Luan? -deixei no ar pra ele me dizer seu sobrenome. O mesmo deu uma risadinha leve e largada. Nuss..- Luan: Luan Spadafora. Dinha: Spadafora? Ah, sabia que te conhecia de algum lugar Luan: me conheçe? Como eu não lembraria de você? Meio impossível -riu e eu ri também, sem graça- Dinha: não é pessoalmente.. muita gente usa suas fotos pra fazer fake né? Luan: ahhh, sim verdade. É um saco! -riu- Dinha: é, então. Eu vejo muito fake teu por aí. Luan: é, fazer o que. Enche o saco né? Dinha: sei lá, nunca fizeram meu. Luan: é? Estranho -ri e ele também. Meio doidinho kk. Enfim, a Alice e os representantes da Hering começou a nos explicar tudo. O tal Luan ficava o tempo todo puxando papo, vai ver quer criar mais entrosamento né? Fui percebendo que eu iria ter mais contato com ele do que pensei .. [..] Estou acabando agora a minha parte sozinha das fotos. Foram várias trocas de roupa e essa é a última. O Luan já foi, e por falar nele, esse menino não tira os olhos de mim. Me desconcentra o tempo todoo!! Deve tá querendo me prejudicar. Depois dessa iremos pra fotos juntos e depois em mais dois ambientes.- Fotógrafo: acabamos essa parte. -saí do centro e a Alice me chamou pra próxima troca de roupas. Ela me explicou que nessa sala vai ser só mais duas trocas, depois almoçamos e vamos pra outra. Entrei na troca de roupa, coloquei uma calça estampada, uma blusa branca com uma jaqueta marrom por cima, e o salto marrom também. Fui pra maquiagem que nem demorou muito. Quando saí o Luan já tava sentado no sofá em que haviam colocado. Fui até ele e logo começamos.[..] Olha, acho que em parte o Junior tinha razão. Foi muito difícil fingir que não estava incomodada quando ficava muuito perto do Luan. Mas foi até bom pra eu me acostumar né?. Agora estamos todos almoçando na mesma mesa. Quando acabei percebi que tinha esquecido meu celular na bolsa. Corri até uma das salas e quando entrei a Alice e o Alex, fotógrafo da Hering estavam vendo as fotos no computador já.- Dinha: aii posso pegar algumas? Alice: claro querida -riu. Peguei meu celular e meu cabo na bolsa. Fui indo até eles.- Alex: separei uma aqui pra você divulgar a loja no seu insta pode ser? Dinha: claro -sorri. Coloquei meu cabo e peguei algumas pra mim.- Alex: posta essa que tá ótima!. -apontou pra uma minha com o Luan. Putzzz!! Eu não podia negar né? Ele estava me pagando.Apenas assenti e já postei.- dinhafontinelli: Campanha pra @heringoficial @alexrezende
sorriadinha: noooossaa!! vishtirulipa: que ousada haha Junior vai ficar com ciúmes hein kk 
jessicalima: nossa, não sabia que você era modelo prideneymar: eita! não quero me meter mas o Junior é ciumentooo rsrs Tá linda! felipeduarte: uiii familiatoiss: Adorei a foto, e independente de namorado, o trabalho vem em primeiro lugar. Você está linda!! lailastos: olhaa elaa kkk neymarzetes: concordo com a @familiatoiss. Você tá Linda Dinha endlessnjr: tbm concordo com as meninas, e tenho ctz que o Junior tem muito orgulho. Ah, marca esse modelo? É lindoo!! taradasdoju: mas gente, como estamos hein? Ju vai amar essa foto u.u Parei de ver, essas meninas viajam as vezes. Elas tem razão em dizer que o trabalho vem em primeiro lugar. Mas já estão criando polêmica antes mesmo do Junior ver a foto, af. Abri a galeria e fiquei vendo as outras fotos.- Luísa: filha? -olhei pra porta onde minha mãe chegou- acabaram de me ligar da loja e teve uma emergência lá. Vou precisar ir lá.
Dinha: mas é alguma coisa séria? Luísa: um problema com mercadoria. Vou ter que ir, me desculpa querida, se não for demorar venho te buscar Dinha: tudo bem mãe, fica tranquila pego um taxi Luísa: Alice, qualquer coisa você leva ela? Alice: ih amiga não sei que horas vou sair daqui mas, ponho ela num taxi Dinha: mas gente não precisa, sou grandinha tá? -ri- xxx: se você quiser te dou uma carona -olhei pra quem apareceu atrás da minha mãe e era o Luan- Dinha: magina, não precisa Luan: não vou deixar você ir de taxi se eu posso te levar -eu ri.- Alex: para de fazer doce menina, vai com ele. E ó, vão pra troca já que já vamos começar de novo hein -assenti. Dei um beijo na minha mãe e fui pra troca[..] Agora são quase 18h da tarde, estou terminando de me trocar pois a sessão já acabou. Já peguei meu pagamento, acabei aqui e fui saindo. Me despedi de todos, agradeci, e agora tô descendo as escadas.- xxx: hei hei hei -olhei pra trás e claro que era o Luan- nem me esperou né? Dinha: eu? -ri sem graça e ele veio descendo- Luan: é, não falei que ia te levar sua teimosa? -eu ri- Dinha: não precisa po, tem um ponto de taxi aqui na frente Luan: tá teimando ainda? Vamo logo vai teimosa -ri de novo e fui descendo com ele. Lá em baixo fomos andando até o carro dele, ele destravou, abriu a porta pra mim, eu entrei e em seguida ele entrou também. Logo deu partida, e ligou o som no cd do exalta.- Luan: gosta de exalta né? Dinha: claro, claro Luan: ah sim, mas se quiser eu mudo tá? Dinha: não, tudo bem -ri- Luan: onde cê mora? Dinha: no campo grande. Luan: beleza, mas eai, quantos anos cê tem? Uns 20 né? Dinha: 17 Luan: 17?? Nossa que mulherão -gargalhei- Dinha: e você tem quantos? Luan: tenho 20. Dinha: nem sabia que você morava em Santos Luan: eu sou daqui mas morei um tempo sozinho no Rio trabalhando como modelo. Dinha: e voltou porque? Luan: voltei pra fazer minha faculdade de direito, aí tô fazendo uns bicos ainda. Dinha: ah sim, legal -sorri- Luan: e você começou agora né? A Alice me disse. Dinha: é, eu fiz umas campanhas quando eu era criança. Aí a Alice me deu essa oportunidade agora Luan: mas você manda muito bem, nem parece que foi a primeira campanha Dinha: porque você não viu como eu tava nervosa -ri- vou fazer uma aulinhas com a minha amiga que faz teatro. Luan: ah nem precisa, se você tava nervosa soube fingir direitinho. Dinha: cê acha? Luan: claro -sorri e ele também. Senti meu cabelo fazendo cócegas no meu rosto, com a mão direita afastei o mesmo e o Luan me olhou.- Luan: hum, aliança? É de namoro? Dinha: é sim. Luan: bonita hein? Dinha: é -ri olhando pra ela pensando no Junior- também acho ela linda . Luan: ihh já vi tudo Dinha: o que? Luan: tá apaixonada -eu ri- Dinha: ah, eu tô né -ri- Luan: aí me quebrou Dinha: que? Luan: nada não -riu. Eu entendi né? Não sou burra. Mas enfim, continuamos o trajeto conversando. Ele era legal, tinha bom papo e tal. Quando chegamos em frente á minha casa, trocamos redes sociais, agradeci ele e entrei. Meus pais me prenderam um pouquinho na sala mas depois fui pro quarto porque tava exausta. Fui direto pro banheiro, lá tomei um banho demorado de cabeça e tudo. Quando saí já coloquei meu pijama e deitei. Peguei meu celular e não tinha nada do Junior. Olhei o relógio e era sete e pouquinho, o jogo é as 19h30 então só vou poder ligar pra ele beeem mais tarde. Então decidi ligar pra Liza pra ver como tá tudo lá. Disquei e ela logo atendeu.- ~fdl~ Liza: oi Dinha: oi piri, já tão em sampa? Liza: já, tamo no estádio. E como foi tudo lá? Ah eu vi a foto viu? -riu- Dinha: fui meio que obrigada a postar Liza: obrigada? Dinha: sim, depois conta pra vocês. Meo, eu fiquei super nervosa sériooo, o Luan disse que não dava pra perceber mas eu fiquei -ri- Liza: Luan? Quem é Luan? Dinha: o cara qur fotografou comigo. Liza: hmmm o da foto -riu- Dinha: é, mas olha, depois quero que tu me ensine umas tecnicas pq eu fiquei muito nervosa -ri- Liza: beleza -riu- Dinha: quem tá aí com vocês? Liza: tá eu, a Mari, o Gil e a Rafinha. Dinha: ah beleza, tô morta feat exausta se não até teria ido Liza: o Junior perguntou de ti algumas vezes. Mas falei que ainda não sabia se tu tinha saído do estúdio ou não. Dinha: ahh tá, quando tu vê ele depois de jogo diz pra ele me ligar. Liza: tá bom, vai começar agora, depois nois de fala bebê. Dinha: tá bom amiga beijo Liza: beijoo, tchau Dinha: tchau ~fdl~ Desliguei. Abri minha galeria, fiquei olhando as fotos e decidi postar mais uma.- dinhafontinelli: @heringoficial
apegodimar: sua diva, maravilhosaaaa!! guustavo92: hmm modelete então?? haha bondedotoiss: caralho tinha que ser modelo!! Linda demaaais luanspadafora: seguindo aqui parceira haha livianjr: aiii minha barbie ! Não podia ter escolhido profissão melhor né? Kk neymania: assim o Junior piraaa você é perfeitaa!! tainasantana2: amigaaaa, parabéns as fotos devem estar maravilhoosaas! Depois me manda mais njrmyworld: que lindaaa, quero mais fotos danilofontinelli: que gata prima! sorriadinha: minha diva caraaa, minha boneca, linda!! principenjr: aff que ridícula, sou mais a Fê Segui o Luan e parei de ver depois desse último, menina mal amada aff!! Quero logo contar todas as novidades de hoje pro Ju . E espero que ele não grile com a foto com o Luan né? 
~Amanda off~

~Liza on~ 
Depois que eu quaaaase me fudi, percebi que aquilo que eu tava fazendo era quase uma traição, e meo, não era mesmo essa minha intenção, até porque todo mundo sabe o quanto eu sou doida pelo Henrique. Ele me desculpou porque realmente viu que foi inocente. Mas serviu pra eu aprender né? Sei que agora posso confiar nele e que não existe mais nada nem ninguém entre a gente, me senti a pior pessoa do mundo quando ele ficou decepcionado comigo. Depois disso graças a Deus ele não mudou comigo, o que me deixa cada dia mais encantada com a forma com que ele me entende e me ama! Bom, hoje é quarta, dia de jogo em sampa e eu fui com os papais e a Rafinha. Nesse exato momento estamos no fim do primeiro tempo e o Santos tá perdendo de 1x0 pro São Paulo . Em mais alguns minutos de apenas jogadas normais, o 1° tempo acabou.-
Gil: durezinha hoje hein? Liza: né? Rafa: também né, esses cavalos aí, meu irmão não pode tocar na bola que eles caem em cima! Mari: fazer o que né Rafinha, todo jogo é assim Liza: é, tudo cuzão, só quer saber de dar carrinho essas porra -rimos. Continuamos conversando ali até começar o segundo tempo. Os primeiros 18 minutos foram de total domínio do Santos que voltou totalmente diferente do primeiro tempo. Nesse minuto começou uma jogada lá no meio campo, caiu no pé do Henrique que foi tocando pro Junior que caiu na cara do Gol. Ele chutou, o goleiro defendeu, o André pegou o rebote e mandou pro Gol. !! Eles comemoraram lá com alguma dancinha que a gente não faz idéia de qual é kk. [..] O jogo ficou mesmo em 1x1. Estamos saindo agora do estádio.- Mari: vamo ali naquela barraquinha de hot dog? Rafa: que? Os dois saquinhos de pipoca não te encheram? Mari: e pipoca enche alguém? -rimos- Gil: vai vai vamo logo que eu não quero que meu mlk nasça com cara de salsicha -rimos- Liza: seu mlk.. tu sabe? Gil: lógico que sei -se gabou e eu ri. Fomos andando até a barraquinha. A Mari comprou lá o hot dog dela, ficamos enrolando ali um pouquinho depois fomos pra onde o carro do Gil estava parado. Ele destravou e eu entrei atrás com a Rafinha. Fomos o caminho conversando até chegarmos no hotel. O Gil estacionou lá, descemos e sentamos nos sofás do hall pra esperar os jogadores.[..] Depois de loooongos minutos vi o ônibus do Santos chegando no hotel. Os primeiros jogadores foram entrando e logo vi meu amor. Quando me viu, veio dando uma corridinha até a gente.- Ph: fala brother -cumprimentou o Gil- Marizoca, -deu um beijo na Mari- Rafinha, -deu um beijo na Rafa.- minha morena -sorriu e eu sorri também. "demos um selinho- Já eu desço -assenti e ele foi- Gil: hmmmm olha o olhinho delaa. -ri e pisquei os olhos rapido e várias vezes brincando- hoje teeem Liza: osh nada a ver seu maluco -ri de novo. Passados mais alguns minutos, vi o Henrique voltando junto com o Juninho.- Njr: e a larica hein? Rafa: a gente já comeu.. Mari: mas pode comer de novo Liza: noooossa manéra Mariana, manéra Ph: vish bolso do Gilzera tá pedindo arrego então? Gil: sei de nada parça, ó -passou o dedo na boca como se fechasse um zíper. Todos riram e a Mari deu um tapinha nele- Ph: bora então? -assentimos e fomos até o carro do Gil.- Rafa: ih, o Junior vai a pé -riu- Gil: vai nada, vai Lizinha senta no colo do pai aí -rimos- Liza: idiotaaaa -ele destravou o carro, a Rafa e o Juninho entraram, depois o Ph e eu sentei no colo dele. O Gil deu partida, fomos conversando e logo ele estacionou num restaurante japonês. Descemos, e eu fui indo mais atrás com o Ph. Entramos e claro que os olhares se voltaram todos para nós. O cara lá nos levou pra uma mesa mais reservada.- Mari: a gente vai no banheiro Njr: beleza até amanhã.. Rafa: amanhã? Njr: é porque até vocês voltarem a gente já foi embora. Liza: nem são loucos -ri e fomos indo pro banheiro. Lá retocamos a make que eu particularmente nem tinha mais kk. Ficamos enrolando, tirando fotos idiotas e rindo porque estávamos demorando de propósito. Depois de um tempo fiz xixi, arrumei o cabelo e saímos.- Ph: oloco, pensei que tinham morrido já ia chamando o samu -rimos- Liza: eu falei que a gente ia no banheiro, só não disse qual, então fomos em casa. -falei naturalmente e nos sentamos. Eles ficaram me olhando com uma cara de "não teve graça".- que foi? É verdade meo. Njr: como humorista tu é uma ótima atriz Liza: eu sei, eu sei beijo -ele balançou a cabeça negativamente- Rafa: pediram já? Gil: já, pedimos um combo. Rafa: combo de que? Gil: tudo -riu- Mari: hmmmm -lambeu os lábios e a gente riu. Ficamos ali papeando até o super combo chegar. Eu tava com um pouco de fome já afinal só tinha comido pipoca no jogo. Começamos a comer. Houve algumas interrupções de fãs pedindo fotos mas de boa. Logo eu enchi. Enquanto esperava o povo acabar fui dar uma olhava no insta. Vi que a Mari tinha me marcado num foto.- mabittencourt: neném tá com uma foooome.. #nenémguloso #botandoculpanonenem #coisafeiamamae #mamaegulosa #boraatacar

reasongilc: suas hashtags kkkkkkk fofaaa!! princesamari: quero ver a barriguinha de novoo
dinhafontinelli: mamãe mentirosa kkkk delíciaa meninasdotoiss: que delíciaa #aguanaboca teuolhargil: coitado do Gilmar.. zizacypriano: hahahaha preciso visitar essa mamãe lovemarimar: ataca mesmooo kkkk amo vcss iloveneeyjr: adorei as hashtags huashuas parabéns pelo bebê gilmeuamor: já tô ficando anciosa por esse baby kkk gilcebola: #papaifalido Curti e parei de ver.- Njr: eai, bebê encheu? Mari: siiiimmmm -bateu palmas rindo- Gil: ufa!! -rimos- Rafa: e a dieta hein barriguda? Mari: comi! -gargalhamos- mentira amiga, tô fazendo po. Mas não é rigorosa não. Tenho que comer bastante proteína, carboidrato, tudo, porque faz bem também pro bebê. É mais na rua que eu como besteira porque em casa minha mãe tá pensando que eu virei vaca que só come mato. -rimos- Gil: é porque se dependesse de tu essa dieta não vingava Mari: tu sabe? Fica quieto -riu.- Ph: e teu pai Marizoca? Tá de boa já? Mari: de boooa de boooa não tá não. Ele fala comigo mais sempre sério sabe? Eu sei que ele vai se acostumar mas por enquanto dá pra ver que ele tá bem decepcionado ainda. -O Henrique assentiu. Continuamos papeando depois de comer. O Junior ficou no telefone um tempão, provavelmente com a Dinha. Teve uma hora que eles pareciam discutir mas como sempre a ligação terminou com "eu te amo" kk. Bom, os meninos estavam cansados então, logo pedimos a conta. Olhei no relógio e já eram quase onze e meia. Eles pagaram lá rs, e fomos embora.[..] Acabamos de chegar em Santos.-
Gil: pra onde Paulinho? Ph: minha goma né mlk haha Liza: hã? Traduzindo? Njr: ele tá te sequestrando.. -riu- Liza: me perguntou se pode? Ph: ladrão avisa que vai sequestrar? -eu ri- Rafa: ih, sobrei Mari: cadê o boy Rafinha? Rafa: viajou com os juniores -fez biquinho- Mari: ounn -riu- Rafa: eu ia com ele, mas saaaaabe, um pessoa muuuuito insuportável não deixoooou. -falou olhando pro Junior- Njr: lógico, irmã minha não fica de saliências -rimos- Rafa: aff idiota, não sou você não -bufou de raiva- Njr: relaxa maninha, relaaaaxa -passou a mão na cabeça dela- seu irmão aqui é um exemplo Gil: um exemplo que não deve ser seguido -gargalhamos. Continuamos o caminho nesse clima até chegarmos no prédio do Henrique.- Ph: flw rapaziada Liza: tchau gente, tchau amigass -mandei beijo pra elas- Njr: flwww camisinha é essencial hein? -riram- Liza: morre Neymar Jr. Njr: te amo Lizinha -riu e eu mostrei a língua pra ele- Gil: guarda essa língua pra depois, tchau -todos riram- Ph: tudo babaca, bora -saímos do carro. O Gil buzinou e deu partida. O Ph pegou na minha mão e fomos entrando no prédio. Cumprimentamos o porteiro e fomos pro elevador.Entramos- Liza: quem tá aí? Ph: meus pais po Liza: ah ta -ri. Chegamos na cobertura, ele abriu lá o apê e entramos. Tava tudo escuro.- cadê teus pais? Ph: devem tá no quarto, durmindo, namorando .. -riu- Liza: que fofo -ri também- Ph: bora subir? -assenti e fomos subindo. Entramos no quarto dele que como sempre estava bem arrumadinho.- vou me trocar. -ele falou, foi até a sacada e a abriu-
Liza: vai se trocar com tudo aberto? Ph: só as estrelas vão me ver ciumentinha -riu e eu sentei na cama dele- liga a tv aí -peguei o controle na mesinha e liguei. Fui passando os canais e parei no multishow onde tava começando um show do Mumuzinho. Sorri me lembrando da nossa primeira vez, quando tava passando um show do Natiruts. Olhei pra ele que estava de cueca procurando algumas peças no guarda roupa. É incrível como eu tenho desejo por esse homem!! Meu pai do céu, que corpo, que bundinha, que gos.. aiii ele olhou pra trás e eu olhei pra tv correndooo kk. Sou muito idiota, ele é meu não é? Posso agarrar essa bundinha agora se eu quiser! Dei risada dos meus próprios pensamentos.- Ph: tá rindo de quê? Liza: nada -ri. Olhei pra ele de novo que tava já com umas peças na mão. Se vestiu e veio voltando pra perto de mim. Se sentou do meu lado.- Ph: pronto Liza: o quê? Ph: tô pronto pra ganhar meu beijo -eu ri e virei de frente pra ele. Peguei seu rosto e dei um selinho começando um beijo. Durou pouco, não queria prolongar aquilo porque né kk.- Liza: tá tudo bem? Tá com uma carinha Ph: olha só, me conhece mesmo. -riu com o nariz- Liza: claro po -ri- Ph: ah, você sabe o quanto eu me cobro né? E o quanto a torcida cobra de mim. Aí quando eu jogo mal fico meio pra baixo Liza: oii Paulo Henrique? Você jogou mal? Tá certo que no primeiro vocês não jogaram bem mas, foram VOCÊS entendeu? O time todo jogou mal e eu tenho certeza que o Dorival deu aquela chamada em vocês no vestiário não foi? Ph: foi .. Liza: então pronto. E outraaa, que eu saiba, pra você um passe vale muito mais do que um gol não é? E você deu um puta de um passe pro Junior que se ele tivesse pegado com a perna certa ele mesmo tinha feito o gol. Mas foi um golaço do Dé, e a jogada começou com você meu amor. Quer mais ou tá bom? -ele riu- Ph: quero mais! -falou todo debochado- Liza: ah é? Então lá vai. Do mesmo jeito que esse time não anda sem o Junior ele não anda sem você. Quem vai ter a genialidade de pensar em tocar a bola naquele espaçiiinho entre as pernas de um jogador em fração de segundos? E em calcular o tamanho e a distância desse espaço em menos segundos aindaaa? E então tocar nesse espaçinho e ver que esse passe se transformou num gol! Quem vai ter a calma, tranquilidade e humildade de separar as briguinhas e xiliques dos jogadores por causa de cartão? E que mesmo assim tem sede de jogo e sabe muito bem quando não deve ser substituído. -ele riu se lembrando de quando insiste em ficar no campo- E por último.. Quem vai ser tão maestro quanto você? Ph: nossa, será que eu tenho tanta moral assim?? Liza: será? -ri- Ph: não sei, você é suspeita pra falar. Liza: eu sou sincera meu bem, sei das coisas, vai na minha que tu brilha! -ele riu alto e eu acabei rindo também- Ph: tu é demais garota! Liza: realmente -sorri- tô até achando.. -levantei- que sou muito pra você.. sabe? -debochei e ele me olhou boquiaberto. Começei a gargalhar.- Ph: então é assim? Tu vai ver então. -se levantou pra me "pegar", continuei rindo e começei a correr pelo quarto e ele veio atrás. Claro que não dei 4 corridinhas né? Ele me abraçou por trás me fazendo cair na cama.- você tá sequestrada morena, quem manda aqui sou eu! -falou segurando meus braços- Liza: quem falou isso pra você narigudo? Ph: falou tudo agora, sou narigudo mesmo, dono do meu nariz e do seu! -dei risada e quando olhei de novo pra ele, o mesmo me olhava sério. Eu já sabia o que aquele olhar queria dizer..- Liza: vamo tirar uma foto? -disfarçei kk- Ph: vamo.. -saiu de cima de mim e se sentou na beira da cama.- no meu celular ou no seu? Liza: no meu -dei o celular pra ele e sentei no colo do mesmo. Ele apontou pra um dos espelhos e tirou. Peguei a mesma, editei e postei.- lizalbuquerque: Só sei que foi demais pra mim, o amor não existia mais, até ver você.. @samsungphganso10

orgulhoph: meu Deeeeus posso com esse casal? Amo muitoo uaijuninho: aii vocês são a coisa mais linda juntos rafaelmonteiro: Inspiração do nosso maestro kkk brilhaliza: O que deus uniu ninguém separaa! Amo vcss bondedotoiss: se casem haha teampauliza: Casal perfeito felicidade estampada em vcss! amoo amorpeloph: af é muita cara de pau .. rafaella: vão durmir casal gansaticas: sua né? Ah ta! @amorpeloph / amo vcs meus amores samsungphganso10: ciumentinha, bravinha e minha Parei de ver quando ele me puxou, me fazendo me deitar de novo na cama.-
Liza: não era pra você me chamar de ciumenta pra todo mundo ver Ph: mas você é po, não é? Liza: sou? Não sei -ri- Ph: você.. -levantou o corpo, e se virou pra mim- tem que deixar de ser ciumentinha e bravinha, e ficar sendo só minha. Liza: e por acaso eu não sou? Ph: claro que é. Mas você vai ter que me provar que quer ser Liza: hã? Ph: me prova que você quer ser minha então Liza: ihhh que é? Não sabe o que inventar e inventa isso só pra me chantagear. Ph: lógico. Isso porque eu sei que não vou me arrepender do que vou ver. Liza: é? -sentei na cama- e você sabe o que você vai ver por acaso? Ph: quer me mostrar? -eu ri- Liza: seu bobo .. vou no banheiro, já volto. -ele assentiu com uma carinha meio triste kk. Levantei e entrei no banheiro do quarto. Me olhei no espelho e ri de mim mesmo pelo que estava prestes a fazer. Sim, eu ia aceitar o desafio dele kk. Começando pela blusa, a tirei. Depois o short, e meu relógio. Putz ainda bem que eu coloquei um conjuntinho de lingerie preto que eu amo e é lindo! Me virei de novo pro espelho e baguncei um pouco o cabelo pro lado, dei risada mais uma vez. Senti aquele friozinho gostoso na barriga. Quando imaginaria isso? Quando imaginaria receber tanto amor e desejo dele. Eu tenho mesmo que retribuir né? Kk. Então peguei na maçaneta, respirei fundo e logo ouvi que a música havia mudado. Não era mais do Mumuzinho, era alguma do Justin Timberlake, aquelas bem sexys dele sabe? Ele já tinha entendido o que eu fui fazer no banheiro. Ai que vergonha de sair daqui!! Respirei de novo, torci a maçaneta e abri a porta 🙈. Devagar fui saindo e o quarto estava agora apenas iluminado pela luz que vinha da varanda. Quando finalmente saí, coloquei a mão na parede, olhei pra cama e ele estava deitado com as mãos atrás da cabeça me olhando com a melhor cara de desejo do mundo!- Liza: não vai se arrepender mesmo né? -ele apenas negou sorrindo e eu dei uma risadinha. Percebi que a música tocando era "sexy back" .Desencontei minha mão da parede e fui andando devagar até a frente da tv que agora estava desligada. Segurei minhas duas mãos em cima da mesma e sem parar de olhar pra ele fui descendo devagar da forma mais sexy que eu conseguia e ele se levantou sentando na cama acompanhando minha descida já completamente hipnotizado. Subi de novo sorrindo maliciosa. Peguei nas alças da minha calcinha e fingi que fosse tirá-la mas não tirei. Ele riu baixinho. Me virei e fui andando até a mesinha do lado da cama dele me abaixei me empinando toda e ouvi ele shiar. Abri a gaveta e lá dentro peguei uma camisinha. Levantei de novo e bem devagar coloquei a camisinha dentro da calcinha . Ele passou a mão no rosto rindo. Me virei de costas e olhei pra ele. Fui com as mãos no feixo do sutiã e abri o mesmo. Vi o Henrique mordendo os lábios e tirei o sutiã jogando pra trás fazendo com que ele caísse em cima dele. Dei risada e devagar fui me virando de frente pra ele de novo. Ele apoiou as mãos na cama e foi indo pra trás enquando eu me aproximava dele olhando fixamente em seus olhos. Fui subindo na cama e consequentemente em cima dele que foi logo jogando meus sutiã longe e agarrando meus seios. Meus cabelos roçavam no rosto dele e eu sentei em cima do seu membro. Ele foi de novo com as mãos nos meus seios os apertando. Logo depois se levantou de novo ficando de joelhos na cama assim como eu. Me puxou fortemente pela nuca juntando nossos lábios num beijo completamente sensual e feroz. Um lento molhado, delicado e prazeroso. Ele puxava meus cabelos e eu dedilhava suas costas enquanto explorávamos cada canto um da boca do outro. Durou o tempo suficiente pra que nossos corpos se esquentassem. Logo fomos parando com deliciosas lambidas um no rosto do outro. Ele pegou na minha cintura colando de novo nossos corpos e foi com a boca no meu pescoço, me chupando, me mordendo, me excitando. Incrívelmente eu já soltava alguns baixos gemidos, meu tesão por ele era enorme. Me agarrei em seu pescoço deixando ele continuar com aquilo. Ele foi descendo a boca até chegar de novo nos meus seios. Assim que ele abocanhou um deles me contorci pra trás e acabei de deitando fazendo ele ficar por cima de mim e sem parar com aquelas preliminares deliciosas. Ele chupava meus seios como se fossem minha boca e eu já puxava os lençóis delirando com aquilo. Ele alternava entre um e outro e também parecia delirar com o feito. Depois foi descendo com leves beijos pela minha barriga e eu cheguei a rir com o arrepio. Até que ele parou na região da minha bct que já estava molhada á muito tempo. Ainda com a boca ele pegou com os dentes minha calcinha e foi puxando pra baixo, quando chegou na metade, me olhou com um olhar bem safado e pegou também com a boca a camisinha que estava la dentro, levanto o corpo e colocou ela dentro da calça dele kk fdm! Eu ri fraco e ele desceu o corpo de novo e foi tirando minha calcinha de vez. Jogou ela longe e caiu de boca na minha bct. Abriu bem as minha pernas, segurou minha cintura e mandou ver. Ele enfiava a língua, subia e descia ela, dava chupões deliciosos e até fazia vai e vens com ela. Nesse momento eu já gemia de forma descontrolada, e quanto mais eu gemia mais estimulava ele, puxava seus cabelos e me contorcia demonstrando meu delírio. Depois de não aguentar mais, empurrei ele pra cima de novo,o puxei pela camisa e imediatamente e tirei, abri sua calça e fui tirando a mesma também. Ele me ajudou e logo já joguei ela longe. Empurrei ele mais uma vez e ele caiu me fazendo ficar por cima dele. Começei a rebolar e logo ele já revirava os olhos. Parei quando já estava louca de vontade de dar ainda mais prazer pra ele. Então tirei sua cueca, fiquei com aquela camisinha na mão e meti a boca no p. dele. Ele imediatamente pegou minha cabeça e enquanto eu chupava subindo e descendo ele comandava esses meus movimentos. Durou pouco porque ele mesmo me empurrou me colocando por baixo dele. Abri aquela camisinha, e coloquei pra ele que nem esperou e já enfiou o p. dele na minha bct. Começou devagar com aquele vai e vem delicioso. Me agarrei de novo nos lençóis me deixando sentir aquele prazer intenso. Ele metia cada vez com mais vontade, mais força mais tesão, eu estava ficando enlouquecida! Gemíamos juntos e tentando controlar o volume pra que os pais dele não nos ouvisse mas seria difícil pois além do quarto ser longe, o cd do Justin Timberlake ainda tocava. Aquilo estava maravilhoso, a cada bombada era uma vontade de gritar. Deitei o corpo dele no meu e cravei minhas unhas em suas costas, o que fez ele aumentar a velocidade mais um pouco. Achei que já fosse acabar pois eu estava quase gozando.- Liza: não para .. não para.. -sussurrei no ouvido dele e ele parou. Fiquei sem entender porque ele fez ao contrário. Me puxou pela mão e foi saindo da cama. Jogou tudo o que estava na mesinha do lado da cama no chão, inclusive o abajur. Me levantou pela cintura e me colocou em cima dessa mesinha, assim jogou minhas pernas em cima do ombro dele, me segurei em seu pescoço e ele enfiou nessa posição. Meu Deus que homem é esseeee!! Nunca mais vou sentir um negócio desse, ele gemia no meu ouvido e eu nem sei mais se o que eu fazia era um gemido, nem era mais minha voz kkk. Ao mesmo tempo que eu não queria que acabasse, queria chegar logo ao apse do nosso prazer. Ele não parava, não diminuia, eu me sentia a pessoa mais amada e desejada do mundoo! Quando nos "cansamos" daquela posição, ele parou, me desceu dali e me virou de costas. Assim segurou minha cintura, me fez empinar um pouco o bunda e foi enfiando daquele jeito. Quando começou a meter, logo se agarrou nos meus seios e eu continuei com os meus gemidos descontrolados. Enquanto ele metia as vezes diminuia a velocidade pra dar alguns beijinhos nas minhas costas, o que fazia com que eu amasse esses momentos ainda mais. Depois de mais alguns minutos acabamos chegando ao orgasmo quase juntos. Ele ofegante, catou suas peças íntimas e foi pro banheiro. Me enrolei num lençol, desliguei o som, arrumei a mesinha que ele havia bagunçado e deitei na cama de novo. Estava meio perplexa pois, a gente faz essa cama pegar fogo e depois fico meio assim de olhar pra ele kk. Bom, logo ele saiu, nem esperei ele falar nada, peguei minhas peças, a camisa dele que estava no chão e entrei no banheiro. Vi que minhas roupas que estavam no chão dali, agora estavam penduradas no bgl lá. Entrei no box, me lavei, quando saí coloquei minhas peças íntimas e uma camisa dele. Olhei no meu relógio e ia dar 1h da manhã. Saí do quarto e a cama já estava arrumada. Me deitei lá do lado dele de novo.- menino prendado haha -ele sorriu, pegou meu rosto e me deu um selinho- Ph: tu é muito boa cara -arregalei meu olhos, meio que estranhei o que ele disse kk- não precisa ficar assustada não. Tô falando sério mesmo, tu é boa demais! -gargalhei- Liza: conseguiu me deixar com mais vergonha .. Ph: relaxa, só pra tu saber mesmo, que tu é uma delícia. Liza: tá, chega! -ele riu- e você até que não é muuito ruim de cama não.. -ele ficou boquiaberto e eu voltei a gargalhar- Ph: bom saber, quando você me pedir pra não parar de novo, vou te lembrar disso. -ri de novo- Liza: eu tô brincandooo, você foi maravilhoso como sempre. -ri toda sem graça- Ph: só maravilhoso? Po, te chamei de boa, de delícia Liza: ta boooom seu lindo, delicioso, tesudo, gostosooo!! -ele riu achando graça mesmo do jeito que eu falei- Ph: é, acho que agora tá bom. Liza: idiotaa -ri- já é 1hr da manhã sabia? Ph: sabia, hora de agarrar minha namorada. -falou e me abraçou me fazendo cócegas e beijando meu pescoço eu gargalhava tentando empurrar ele. Quando consegui ele estava por cima de mim me olhando sorrindo.- eu te amo sabia? Liza: sabia, é recíproco! -ele continuou sorrindo e colou de novo nossos lábios, começando um beijo molhado e lento. Durou pouco, ele mesmo foi parando com selinhos. Se deitou do meu lado e pegou o celular dele.- Liza: vai fazer o que? Ph: registrar o melhor beijo do mundo. -falou, pegou meu rosto e num selinho meio torto tirou uma foto da gente. Postou e eu fui olhar.- samsungphganso10: Se o veneno são teus lábios, sou alérgico ao antídoto.. @lizalbuquerque
cartasproph: cada dia fico mais apaixonada por vcs!! familiatoiss: amo esse casal amor exala em vcs.. pedrogomes: pelo intervalo de horário das fotos tavam dando uma né? brilhaliza: se casem pelo amor de Deus!!
raissamelo: você já é lindo, mas quando deixa essa barbinha é de matar! Delíciaa kk @samsungphganso10 pretadojunior: lindos amores, felicidades.. meumeninoph: mas gente, que inconveniência!! Vai caçar o que fazer hein @pedrogomes teampauliza: que legenda, que amor! Que nada estrague isso, nuncaaa, amo vcs bielmaciel: saudade casal kkk gansomylove: só quero saber onde foi parar o amor pela Giovanna.. lizalbuquerque: tava bem gostoso @pedrogomes/ sabe que eu também acho? MEU delícia @raissamelo/ quer que eu pgnte pra ele? @gansomylove/ obrigada pelos comentários positivos galera -ele arrancou o celular da minha mão- Ph: tu é maluca né? Liza: ah meo já tá demais né? Um querendo saber o horário que a gente transa, outra te chamando de delícia e outra falando da Giovanna!! -ele gargalhou- Ph: deixa eles amor, só a gente sabe da gente. Só a gente sabe nossos horários, nossos apelidos e principalmente o amor que a gente sente um pelo outro. -sorri pra ele- Liza: tá bom, mas não vou apagar o comentário tá? Ph: ta booom -riu- agora todo mundo sabe meeesmo que você é ciumenta. Liza: hahaaa, eu aprendi isso com você então né? Cuido do que eu meu!! Ph: é, essa frase é meio minha mesmo Liza: não disse .. -ele riu. Ficamos ali namorando mais um tempinho. Depois me vesti e pedi pra ele me levar embora porque já era quase 2hrs da manhã. Cara, amanhã vou ser uma merda na aula, e ainda tem curso depois ! Ainda bem que a gente tá num periodo de projeto na escola então só tá tendo ensaios das coisas por enquanto essa semana. Se tivesse lição eu nem ia porque ia durmir o dia todo. Bom, ele me deixou em casa e depois de uma despedida rápida entrei em casa na ponta dos pés e corri pro quarto. Lá só me troquei e caí na cama exaustaaa! É, tive uma noite cansativa rs, e tava morrendo de sono zZzZ.. ~Liza off~

~Mari on~ Deus escreve certo por linhas tortas.. É um ditado que daqui pra frente vou ter que aprender a colocar em tudo na minha vida. Tudo tem um propósito, tudo tem um porquê, e nada do que eu faça vai mudar o que já tá escrito. Meu dever é aceitar, e é o que já começei a fazer. Recebi muitas mensagens de apoio mas também muitas críticas. Mas nem ligo sabe, ninguém tem nada a ver com a minha vida. O Gil tá me tratando como uma princesa, com a minha mãe não é diferente e com meu pai é só uma questão de tempo. O Gil tá doido pra marcar um jantar com as nossas famílias. Pedi pra ele esperar só mais um pouco até pra ele ir acalmando a fera da mãe dele. Do jeito que eu vivo passando mal, só de ver a cara daquela mulher já vou ficar tonta! Bom, hoje é quinta,agora tô aqui na escola. Tá tendo um projeto e eu tive que sair de algumas atividades como a dança. Mas tudo bem, entrei em outras que vai me exigir mais leitura e concentração, o que é bom. Ah, e melhor ainda porque a nossa sala infelizmente tá ensaiando no mesmo espaço que a sala daquelas 3 putas, aff. Falando nisso, acabou de acabar o ensaio da dança, as meninas vieram se aproximando-
Mari: arrasaram, nossa dança tá top! -elas sorriram e eu vi as vagabundas lá se aproximando também- Sophia: aii Mariana, a gente vai te dar os pêsames -falou toda irônica- Michele: é, deve tá sendo super difícil né? -continuou com a ironia- Ane: difícil? Claro que não gente, tá com a vida ganha pra sempre, né queridinha? -quando eu ia me levantar já querendo matar essa garota as meninas entraram na frente.- Dinha: mas até isso te incomoda minha filha? Ane: não, só me dá pena mesmo -riu- Liza: digno de você nê? Galinha com pena? Faz todo sentido! -gargalhou- Ane: escuta aqui.. -veio se chegando e ela interrompeu- Liza: escuta aqui você, some daqui com as tuas amiguinhas, sua vaca! -quando as três começaram a tentar falar a Dinha interrompeu- Dinha: ow ow ow, acho que alguma coisa de vocês caiu aí ó .. -apontou pra trás e elas olharam- Sophia: o que garota? Dinha: o nível! -rimos- vamo gente -levantei e as três lá ficaram com cara de pamonha, fomos saindo. Sentamos mais pra frente.- Mari: brigada por me defenderem gente, mas vocês deviam ter deixado eu responder Liza: pra ficar nervosa e passar mal? Deixa po, agora elas vão parar Dinha: sabe que não? Invejosa é assim, só para quando se fode. Eu ainda vou fuder essas garotas Mari: deixa gente, elas tão com raiva porque os meninos tão na dança e elas queriam dançar com eles. Liza: pura criançisse, eles nunca mais nem se quer fizeram um piadinha com a gente. Dinha: verdade, são nossos amigos agora. Mari: é, mas deixa elas pra lá. Quero saber, o Junior viu a tal foto ontem?
Dinha: viu -riu- ele me ligou quando tava jantando com vocês né, aí ele ainda não sabia de nada e eu não contei porque não queria que ele discutisse no restaurante. Só falei que tive que fotografar junto com o tal do Luan, aí ele shiou um pouquinho. Liza: a gente viu que teve uma hora que ele tava meio nervoso -riu- Dinha: então, aí depois ele me ligou falando um monte porque tinha visto a foto, aí expliquei tudo pra ele que depois de muuuuuito falar acabou entendendo Mari: sério? Que bom né porque o Junior é meio cabeça dura Dinha: meio? Tipo muito! -rimos- Liza: mas que bom que ele ficou de boa. -ela assentiu- Nãooo, e vocês não tem ideia da noite que eu tive ontemmm Dinha: aii safaadaa -rimos e ela começou a contar. A gente riu até não poder mais né? Depois teve o intervalo, a gente comeu e logo depois as meninas voltaram pros ensaios.[..] Agora são 12:20, o sinal acabou de tocar e estamos saindo da escola. Fomos andando pela calçada.- ali não é o carro do Gil? -olhei mais pra frente e vi que era. Assenti e continuamos andando até chegar até o carro- Liza: caroninha então? Gil: lógico morena haha -as meninas entraram atrás e eu na frente. Olhei pro Gil e ele sorria pra mim, dei um selinho nele.- Mari: aconteceu alguma coisa? Gil: não, porque? Mari: ah sei lá, tu veio até aqui Gil: não posso sentir saudades? Mari: saudades desde ontem -ri- Gil: boboba, é que hoje eu tô de folga, aí vim te buscar. Dinha: te buscar não, nosss buscar né? Gil: isso, isso -riu. Ele deu partida. Ligou o som numas músicas eletrônicas e fomos o caminho todo conversando.- vocês tão cuidando bem da minha cria né? -falou pras meninas- Mari: tua cria .. se toca Gilmar -rimos- Dinha: claro que estamos, até mais do que devia Gil: como assim? Liza: porque tem umas vaquinhas lá na escola que odeiam a gente desde o fundamental né, a gente sempre se bica e hoje aconteceu -riu- Dinha: e a gente não quis que a Mari discutisse com elas. Aí botamos elas pra correr e a Mari queria ter respondido ela mesma -riu- Gil: Mari Maari, deixa de ser teimosa hein Mari: gente, tô grávida, não morta e nem muda. Ah, e também continuo sendo a mesma Mari de sempre. Eu podia sim ter respondido eu mesma Gil: é, mas se essas meninas encostam um dedo em tu, tu me fala hein Liza: hahaaaa, filho, ela tem duas bigwithe's particulares -riu- Dinha: big o que? Liza: bigwithe gente, tem o bigblack do Juninho e as bigwithe da Marizoca. -a gente riu- foi uma merda, eu sei. Mari: é, foi -ri de novo. Continuamos conversando nesse clima até pararmos em frente a minha casa. As meninas se despediram, ele terminou de estacionar e fomos entrando na minha casa.- Gil: não tem ninguém aqui? Mari: não, meus pais chegam depois das seis Gil: ah sim .. Mari: não almoçou ainda né? Gil: não, ia te chamar pra ir pra algum lugar Mari: ahhh não, hoje você vai provar meu dotes culináriosss Gil: hmmm, será que vale a pena?
Mari: hahaa, pode crer que sim! Até porque, a gente não teve um jantarzinho igual o das meninas né? Gil: ah então beleza, eu deixo vai. Não tem veneno lá na cozinha não né? Mari: idiotaaaa -rimos e ele segurou minha cintura.- Gil: teu rostinho tá ficando inchadinho Mari: tá?? -falei assustada- Gil: tá, e eu que achei que não tinha como tu ficar mais linda.. opss, gatona! -eu ri- Mari: é, todo mundo percebeu que eu engordei mesmo. Gil: normal gatona, não é gordura, é nosso filho! -até minha alma sorri quando ele diz 'nosso filho'- Mari: amo quando você diz isso Gil: o que? Mari: "nosso filho" Gil: mas é po -sorriu e me deu um selinho.- Mari: vou lá fazer nosso almoçinho. Liga a tv .. -ele assentiu, eu larguei minha mochila e fui pra cozinha.[..] Acabei agora meu bolo de batata com frango. Desliguei o forno e vou chamar o gil pra ver.- Mari: GIIILL? -gritei- Gil: oi! Mari: vem cá! -chamei e segundos depois ele entrou na cozinha.- ó .. -abri o forno pra ele ver- Gil: noooossa, tô feito! Meu deus no céu que mulher prendada. -eu ri- tenho que registrar isso. -pegou o celular do bolso e tirou uma foto lá.- Mari: bora comeer. -falei e fui colocando a mesa, logo sentamos, coloquei nossos pratos e começamos comer.[..] Já acabei meu segundo prato e acho que o Gil também tá grávido porque já é o terceiro dele kk. Peguei meu iphone, e enquanto ele comia fui olhar o insta. Lembrei da foto que ele tinha tirado e vi lá uma notificação. Cliquei pra ver.-
gilcebola: Tô feito hein mlk! #marizocaprendada #vourepetirtrêsvezes #ouquatro #almoçoátrês #eueeles @mabittencourt
ceboletes: posso com isso minha gente?? Que amor giselefreitas: que fofo Gil, felicidades á vcss bondedotoiss: ahhhh que apegooo esse Gil apaixonado gente meumorenonjr: hmmm, parece uma delíciaaa princesamari: "#eueeles" que perfeição vai ser essa família!! jotace520: opaaa, vou colar aí heinn gilmeuamor: ó Marizoca prendada hahaha que delícia lovemarimar: vai ser a família mais linda do mundooo felipenunes01: haha, Gilzera vai ser papai memo? Saudade irmão!! nacamadogil: vamo ver até onde isso vai durar e pá.. Parei de ver depois desse último comentário, aff.- Mari: pronto? Vai repetir quatro vezes mesmo? Gil: não não, tô satisfeito já -riu e eu peguei nossa louça. Lavei, ele secou e guardou.- vamo lá pro quarto -ele assentiu e fomos indo.- vou esperar a comida assentar e tomar banho Gil: beleza .. Mari: pode sentar na cama, relaxa -ri e ele todo sem jeito sentou. Liguei o ar e a tv, e sentei do lado dele- e foi você que se deu essa folga hoje? Gil: foi, tô trabalhando sem parar po. Mari: e como tá o andamento da obra? Gil: po, acho que mais uns 2 meses fica pronto haha Mari: aii que legal, e tu vai sair da social team? Gil: não não, vou ficar nos dois mesmo. Mari: e já decidiram o nome e tal? Gil: ah eu sou só um dos sócios né, então acho que tão vendo isso aí mas por enquanto ainda nada. Já teve umas sugestões mas nada feito
Mari: po, tem que ser um bem criativo, pra chamar as pessoas mesmo. Gil: também acho mas, todos os que eu pensei são meio clichês .. Mari: ó, tu tem que pensar, vai ser um local de quê? Pra quê? O que vai ter de bom nesse lugar? Gil: ah um ponto de encontro né, as vezes vai rolar um pagodinho ao vivo e tal. É tipo, um esquentinha pra balada Mari: tipo o que?? Gil: tipo um esquenta -riu- Mari: isso po, um esquentaaa! O nome podia ser Esquenta Santos. -falei toda animada. As vezes tenhos esses estralos de criatividade.. mentira, é sempre mesmo rss. Ele me olhou meio surpreso- Gil: caraca Mari, da hora po. Esquenta Santos!! Top haha, perfeito Mari: mas foi só uma sugestão e tal, falei brincando -ri- Gil: não mas na moral, muito bom esse nome, exatamente pra chamar pessoas. Mari: sério mesmo? Gil: porra, sériooo -riu, pegou meu rosto e me deu um selinho- na próxima reunião vou falar, melhorrr, vou exigir esse nome Mari: ta loco? E se acharem ridículo? Gil: eu também mando naquela porraaa! Vai ser Esquenta Santos ou não me chamo Gilmar. -eu ri- Mari: ai que bom que tu gostou Gil: amei, tu é foda amor. -amor?- Mari: amor? -ele riu sem graça- Gil: é haha -disfarçou- tu não ia tomar banho? Mari: ia .. quer dizer, vou -ri, me levantei e fui pro banheiro. Eu amo esses momentos dele totalmente desarmado. Bom, me despí, entrei no banho e demorei um pouco porque lavei o cabelo e tal. Quando acabei, me enrolei na toalha e saí. O Gil tava sem tênis e deitado na cama.- Mari: olha a foolga hein cebola Gil: que nada, tô em casa -riu- e pelo visto tu já sabe disso né? Mari: do que? Gil: que eu já sou de casa Mari: porque? Gil: porque tá só de toalha aí.. Mari: nooossa Gil me perdoa, você nunca tinha me visto assim né? Esqueci que engravidei por respiração -falei irônica e ele gargalhou. Abri o guarda roupa pra procurar alguma coisa pra vestir. Fiquei procurando e quase tive um treco quando senti duas mãos segurando minha cintura. Me virei rapidamente e o Gil me olhava sorrindo.- o que cê tá fazendo? Gil: pegando no que é meu, porque? Mari: ah..é..porque, sei lá né, fiquei meio surpresa de você .. -ele interrompeu- Gil: você achou que agora eu não fosse te desejar mais é isso? Mari: é -ri- Gil: até eu ando me surpreendendo comigo. Só sei que você me mudou Mari, e que depois de você sou muito mais homem. Você é a coisa mais linda que minha alma já viu sabia? Eu te desejo como ontem, como no começo e como sempre. Mari: nossa -sorri- estranho você falar essas coisas e eu aqui de toalha tentando não me emocionar -ri- Gil: se você quise tirar ela não tem problema.. -o semblante dele ficou mais sério. Ele queria ir pra cama comigo naquele momento. Não sei se estou preparada, ainda sinto vergonha das mudanças na minha barriga e além do mais, tá claro aqui no quarto. Ai mas só de olhar pra esses olhos tão verdinhos, tão pequenos e apertados que me olhavam com tanto carinho e me querendo tanto, eu já ficava meio excitada kk. Eu já deixei as coisas rolarem com a gente tantas vezes que agora estou aqui, grávida dele, sozinha com ele e querendo ele como sempre. Então é isso? Deixar rolar não é? Com esse pensamento soltei a toalha, que caiu no chão deixando todo meu corpo nu e visível pra ele. Ele imediatamente olhou minha barriga que olhando bem agora, com os olhos dele, está linda! Fechei meus olhos e fui com as mãos por baixo da camisa dele, tocando seu abdômem super sarado e sentindo as batidas fortes do seu coração. Quando abri de novo os olhos ele me olhava fixamente. Nesse momento fui tirando sua blusa devagar, ele sorria e eu nem entendia muito bem o porque. Depois disso me puxou pela nuca e fez começar um super beijo que já de começo era quente, sexy e delicioso. Nossas línguas se entrelaçavam e dançavam numa sintonia perfeita enquanto ele carinhava meus cabelos e eu sua nuca. Durou o tempo suficiente pra que quisesse ir a diante e me entregar pra esse homem. Então fomos parando com uma sugada dele no meu lábio inferior, puxou minha mão e me conduziu até minha cama. Subimos e ficamos de joelhos um de frente pro outro, sorri de novo pra ele que me agarrou agora um pouco mais feroz e foi direto no meu pescoço. Começou por ali com beijos suaves que depois foram ficando mais fortes e virando chupões, lambidas e tudo mais. Quando me dei conta já estava molhada e doida pra irmos pros finalmentes. Mas como sempre, as preliminares esquentam bem mais as coisas, então deixei ele continuar com aquilo até eu empurrá-lo. Abri sua calça, e fui tirando a mesma devagar, ele me ajudou e quando vi seu p. já completamente ereto, duro e me chamando, parecia que tudo no mundo havia sumido! Eu só pensava em uma coisa: "é muita delícia pra 1 metro e pouco de homem". Ele percebeu como eu fiquei doida quando ele tirou a calça e me olhou com a melhor cara de safado que ele tinha. Então empurrei ele na cama, ficando por cima. Me empinei e fui até o pescoço dele, começei a morder ali e fui descendo. Passei por sua barriga e percebi que ele se arrepiou, quando cheguei em sua parte íntima, tirei rápido sua cueca e joguei longe. Peguei em seu p. e na hora senti um puta prazer. Começei a bater uma pra ele com vontade e ouvi ele soltando seus primeiros gemidos, o que me estimulava ainda mais. Até eu decidir cair de boca ali, começei dando leves mordidas no p. todinho, depois começei lamber como se fosse um verdadeiro picolé. Lambia de um lado, do outro, em cima e em tudo. Depois olhei pra ele que estava delirando com aquilo, começei então a chupar. Eu subia e descia com a boca primeiro devagar, depois fui aumentando a velocidade até ele pôr a mão na minha cabeça e começar a gemer alto e me deixar ainda mais louca com aquilo. Fiquei naquilo mais alguns minutos até ele me empurrar e ficarmos de novo de joelhos um de frente pro outro. Ele me envolveu num abraço cheio de toque e respiração ofegante. Segurei sua cabeça e ele foi descendo alguns beijos até chegar nos meus seios, ele chupava e rodava a língua pelos meus mamilos suavemente e aí os meus gemidos iam ficando cada vez mais percebíveis. Eu ficava fora de mim quando transava com ele. Ele continuou me chupando e eu puxava os cabelos dele como se pedisse mais. Até que ele parou, pegou a calça dele no chão, tirou uma camisinha de lá, abriu e colocou nele me olhando e vendo eu morder os lábios de tesão por ele. Voltou pra perti e me deitou, ficou por cima e eu me assustei um pouco, senti medo dele pressionar a barriga.- Mari: Gil, cuidado! Gil: relaxa, sei o que eu tô fazendo. -falou e subiu um pouco o corpo deixando somente nossos genitais encostados e sem pressionar minha barriga. Assim foi enfiando e me ouvindo gemer agudamente e enlouquecidamente. Não sei o que ele tem de mais. Se é o p. , se é o jeito que faz ou como me trata mas, é sensacional kk!! Começou a meter bem devagar e só com a cabeçinha. Me agarrei nos lençóis e abri bem as pernas pra sentir bem intensamente as bombadas que ele dava. Ele segurou minha cintura e continuou, caralho que gostoso era aquilo, ele foi aumentando a velocidade pouco a pouco até enfiar o p. dele totalmente. Eu quase gritei de prazer quando ele voltou a meter devagar, me fazendo sentir cada movimento entrando e saindo. Ele dizia algumas coisas mas eu nem ouvia direito, estava em meio aos nossos gemidos mas era visível o quanto ele estava cheio de tesão pelo que estava acontecendo. Depois de mais algumas bombadas achei que fosse gozar mas ele parou. Pegou todas as almofadas que estavam na cama e fez uma pilha delas.- Gil: vira pra cá.. -sussurrou e eu me virei. Não estava entendendo muito mas ele passou pra trás de mim. Levantou meu corpo e me fez ficar de quatro, aí entendi porque ele fez aquela pilha de travesseiros. Era pra eu apoiar minha barriga e meu corpo. Então me apoiei, ele segurou minha cintura com uma mão e a outra o travesseiro. Começou a enfiar naquela posição e eu simplesmente de-li-rei! Foi fazendo aquele vai e vem maravilhoso e agora eu já tinha controlado meus gemidos mas não minhas emoções. Deixei ele continuar com aquilo e querendo cada vez mais, chegava a ficar com um pouco de medo sim por causa do bebê mas eu sabia que não tinha problemas. Minha gravidez está no começo e o Gil está sendo incrívelmente sensível e maravilhoso. Era o momento perfeito pra gente se amar. Era exatamente isso, estávamos nos amando! Não era da boca pra fora mas de corpo e alma. E depois de mais alguns minutos de intenso prazer naquela posição, ouvia ele sussurrar que estava quase gozando e eu também estava quase. Ele continuou bombando sem parar até que acabamos gozando juntos. Ele tirou o p. e eu respirava ofegante. Deitei na cama e ele deitou do meu lado.- Gil: nossa.. foi .. maravilhoso. Mari: mesmo? Gil: mesmo! Tanto que.. acho que a gente devia ir tomar um banho .. Juntos! -dei risada- Mari: é .. acho que concordo. -ele sorriu malicioso e levantou foi me puxando pela mão e entramos no banheiro. Ele ligou o chuveiro e fomos pra baixo. Deixamos a água correr um pouco pelo nosso corpo até ele tomar a atitude e me puxar pra um beijo. Sua língua explorava cada canto da minha boca enquanto eu passeava minhas mãos pelo corpo dele. Quando nos faltou o ar fomos parando com selinhos e eu meme me virei de costas pra ele que colou nossos corpos beijando meu ombros, nuca e costas. Eu estava arrepiada e ainda um pouco excitada quando ele segurou minha cintura de novo, me fez empinar um pouco e foi enfiando de novo bem devagar. Segurou agora minha barriga e começou com os movimentos bem delicados e lentos. Era bom demais!! Durou pouco, foi somente pra saciar o nosso prazer. Paramos rápido, terminamos o nosso banho e depois saímos. Me vesti, ele também e ele ainda me ajudou a arrumar a cama kk. Ficamos mais uns minutinhos namorando, tiramos fotos e tal. Com ele realmente eu vejo que eu posso ser o que eu quiser. A gravidez não altera meu caráter, minha personalidade e principalmente minha felicidade. E é exatamente isso que eu sinto quando estou do lado do Gil . Bom, depois de um tempinho ele foi embora antes que meus pais chegassem. Aí sim cuidei do meu cabelo e passei meus cremes e tal. Depois me deitei de novo, fui olhar as fotos que tiramos e resolvi postar uma.- mabittencourt: O melhor lugar do mundo é sempre ao lado de quem te faz feliz! @gilcebola

fernandalima: casal lindooo!! Esse bebê só vai fortalecer esse amor reasongilc: pqp to abalada com essa foto, que amor
dinhafontinelli: amorecos da minha vidaa meninasdotoiss: que lindooos!! Só vejo felicidade e só desejo felicidade. mlkcovinhas: aff meu, ainda não consigo me conformar com isso.. princesamari: caralhooo que vidaaas. Desculpa o palavrão mas é muita felicidade em ver vcs tão apaixonadinhos gabymendes: que lindooos, muitas felicidades e que esse bebê venha pra harmonizar ainda mais essa relação! leosoares: felicidades lovemarimar: infinitogilmar:
Parei de ver e voltei a pensar nele, em como ele foi perfeito hoje, tão amoroso e apaixonado. Me faz crer que daqui pra frente tudo vai ser diferente e cada vez melhor. Livres de problemas e cobranças. Sei que nada vai ser fácil mais um com o apoio do outro vamos driblar todas as dificuldades. E que nossa sementinha cresça com saúde e principalmente muito amor aqui dentro.. 💕 [...] 

4 MESES SE PASSARAM .. [...]

80 comentários:

  1. Hahahahahha QUE AMOR ! Amei tuuudo ! Capitulo perfeito. E esse hot ? :O hahah
    4 meses ? A mari vai descobrir o.sexo.do bebe.?!!! <3 CONTINUA -Maari

    ResponderExcluir
  2. ta muito bom adorei. espero pelo proximo capitolo

    ResponderExcluir
  3. Omg que capítulo pft 😍😍😍 quero saber logo o sexo do bebê 😍😍😍😍😍😍😍😍😍😍😍😍 continuem

    ResponderExcluir
  4. Afff com 3 f pra vcs eu nunca tenho palavras pra descrever oq eu sinto lendo essa fic pqp vcs são demais não me canso de dizer parabénsss!! Adoroo vcsss

    #Rafinhaa����❤��

    ResponderExcluir
  5. Fala sério, capitulo lindo demais. Que bom que o Juninho intendeu a profissão da Dinha. Já quero o proximo http://issonaoebompramim.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. OMG *o* to sem palavras pra dizer sobre esse capitulo,ta maravilhosooooooooooooooooooo . Vocês são perfeitas *---*

    ResponderExcluir
  7. Capitulo perfeitooooooooooooooooooo

    ResponderExcluir
  8. Caralhooo, sei nem o que falar, ta muito lindo isso cara, que perfeição..
    continuaa logo, ja tô anciosa pro proximo...
    ¤ Eliiza ¤

    ResponderExcluir
  9. Caralhooooooo que capitulo fodaaa

    ResponderExcluir
  10. FINALMENTE CONSEGUI LER UUFAA ....OMG OMG OMG 3 HOTS. Em um só cap u.u safadenhas kkkkkkk(brinkis) .... Ta mega mega perfeito.. o cap
    enorme, pra me valeu apena ter esperado serio *--*... amo esses casais ... 4 meses depois!! Uhuuuul meu palpite é que é homem o filhote do gil e mari u.u

    ResponderExcluir
  11. Cara que emoção chegar aqui e ter esse cap gigante *-*

    ResponderExcluir
  12. ta muito perfeito meo contt

    ResponderExcluir
  13. Que capítulo foi esse *------* Simplismente AMEI..E essas partes hot's meu pai *o*...Valeu muito a pena ter esperado esse tempo todo <3...Continua logo PFV
    Amanda

    ResponderExcluir
  14. LoL que capitulo gigante. Meu sonho chegar aqui e ver esse cap perfeito

    ResponderExcluir
  15. Vocês tres são fantásticas! Capitulo bom demais

    ResponderExcluir
  16. Mdssss!!! Seguuuuraaaaa coração, li e reli e trili (isso existe? Sla, mas fod@-se kkkk)
    perfeito, magnifico, maravilhoso, tduuu dii bom kkkk

    Consegui comentar só agr, pq tinha acabado os meuus creditos bem na hr que eu fui comentar =''''( kkkk enfim, comentei!!

    CONTIIINUAAAA MENIIINAAAAAAS!!! Sla, só acho assim que vai ser menino, pq vcs falaram la em um cap desse negocio de barriga pontuda ou redonda kkkk mas eu acho que vai ser Pedro (é Pedro né?! To lerdona hj kkkk).

    Eu amo vcs, eu amo essa fic, cada detalhe... cada coisinha *---*
    Enfim...

    Coooontiiueeeemm!!

    ResponderExcluir
  17. cooontinuuuua logo mulheeeeeeeeeeeeeeeer to amandooooo

    ResponderExcluir
  18. sem comparações <3 <3<3<3<3<3<3<3<3<3

    ResponderExcluir
  19. Perfeição é isso aqui

    ResponderExcluir
  20. Awnnn que bom que todos eles se acertaram ja pode continuar, bjussss♥

    ResponderExcluir
  21. Meu Deus, eu não sei mais o que comentar sobre essa fic. Ta tudo maravilhoso!! Vocês me surpreendem a cada capítulo!!!!

    ResponderExcluir
  22. Love forever vocês cara

    ResponderExcluir
  23. Capitulo perfeito..Continuem!

    ResponderExcluir
  24. capitulo gigante e perfeito

    ResponderExcluir
  25. Que capitulo foi esseeeee????????? Cheio de partes Hots, AMEI

    ResponderExcluir
  26. Fôlego, cade? Haha. Que capítulo girls!!!!!! Adoreeeeeeeeeei

    ResponderExcluir
  27. lindo , perfeito , divo , magnifico teu blog *-*
    Continuuuuuaaaaa

    Divulga: quetodomalvireamorquetodadorvireflor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  28. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  29. Continuuua tá perfeito

    Indica: http://loucaporseuamorgc.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  30. https://nyjramorpravidatoda.blogspot.com indicaa?

    ResponderExcluir
  31. uhuuul, demorei mais acabei de ler. Cada vez mais lindos, amo vcs minhas lindas, uhuuul posta mais!!!

    ResponderExcluir
  32. Meninaaaaaas q massa aqui! Amaando demaaaaais!

    ResponderExcluir
  33. Ta 100sacional! Continuem logoooo

    ResponderExcluir
  34. Meninas, to ansiosa pro próximo capítulo!!!!! Beijos!

    ResponderExcluir
  35. Ta surreal parabéns meninaaas , séria legal se os menos levassem as meninas para uma viajem tipo pra Disney iria amar ver eles la .. to a ciosa aqui , pós tem logo porfavooooooooooor

    ResponderExcluir
  36. Vocês escrevem muito bem, parabéns !!
    coontinua , estou super curiosa

    ResponderExcluir
  37. Continua eu shippo MariMar ♥
    Indica: http://semprecomvocegc.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  38. mais de um mes sem posta tnc

    ResponderExcluir
  39. Esperando os 4 meses depois...

    ResponderExcluir
  40. Divulga ? http://vocetemmarcaemmimnjr.blogspot.com.br/
    Obrigada :D

    ResponderExcluir
  41. Cara, sou leitora nova! Estou AMANDO, nao tem como descrever! Vcs escrevem mto! O grupo no wpp ainda existe? Será q poderiam me colocar? 19-992529155 ( Gabriela - @gabimiranda92, dediquem para mim, hahahhahhah)

    ResponderExcluir
  42. Ces já pararam pra pensar que essa demora toda q acaba expulsando as leitoras? voces demoram pq ngm comenta e ngm comenta pq vcs demoram. isso é um siclo vicioso e to vendo que nunca vai acabar! ¬¬

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. vai la trabalhar no nosso lugar filhona!! se tu tem tempo pra coçar a gnt não tem, e quem esta no nosso grupo esta sabendo que estamos trabalhando e não temos tempo pra nada, então quando esse mês acabar ai sim vai ter capitulo e se vc for realmente fã da historia vc vai aprender a esperar assim como todos as outras!

      Excluir
  43. ai mds estou surtando sem a história kkk
    quero que dezembro acabe logo pra vocês postarem

    ResponderExcluir
  44. Amooooor me poe no grupo porfavooor 21 9162-6718 😍😘
    #VemJaneiro

    ResponderExcluir
  45. Continuaa, como vocês podem ter tanta criatividade?

    Amores divulga meu blog pfv?
    http://imaginedecebolete.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  46. me coloca do grupo fazendo favor 35 99926858

    ResponderExcluir
  47. Girls!!!!!!!!!!! Cade vcs??????!! To ansiosa demais para o próximo capítulos!!! Ate sonhei com esse blog!!!! Apareçam, please!!!! Posso ta sendo ate chata, mas é que esse blog e maravilhoso!!!!!!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  48. Meu acabaram de perde uma leitora, eu amo de paixao essa fic, mais ficar toda vez esperando mo tempo pra ler cansa.... Vocês falam que a historia ta pronta e tal e pq essa demora? ah eu entendo que vocês tenham a vida de vocês também, que trabalham e tudo, mai vocês não podem pegar 10 minutos de algum dia para posta? sinceramente vocês não tem responsabilidade

    ResponderExcluir
  49. alguém que tem contato com elas pode me dizer se elas realmente vão pastar ou não?

    ResponderExcluir
  50. Meninas preguiçosas aff

    ResponderExcluir
  51. acho que os 4 MESES SE PASSARAM .. [...] do final do capitulo queria dizer alguma coisa kkkkkk
    quem sabe ñ sai no dia 28 de fevereiro

    ResponderExcluir
  52. da noticias pelo menos do esta acontecendo se vai postar ou ñ

    ResponderExcluir
  53. Eu sei q vcs tem vida fora daqui e q trabalham e tals, mais ja tem quase 6 meses q vcs não postam nada e não dão nem uma explicação, nao custava nada entrar pelo menos pra explicar o pq da demora

    ResponderExcluir
  54. , Diga Quuue Vai Postar Poorfavor , Esqueceu De Nos 💔 .. Voooolta Poorfavor

    ResponderExcluir
  55. cadêeee vocês ??? Apareçam pelo amor de Deus, eu sempre entro aqui pra vc se vcs postaram e nadaaa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. elas não vão mais continuar meninas, por motivos que só elas podem explicar!! talvez algum dia elas retornem ( espero )...

      Excluir
  56. Oi? Nao sei se lembra de me (claro que nao ) mas então queria dizer umas coisinhas, não sei se vai ler u.u!! cara passei tantos meses sem ler as fics sobre o juninho, não porque eu não quis, foi mais por falta de tempo que eu tive que parar (vida adulta não é facil) ! Sempre quando eu entro e leio so o começo dos caps sem poder continuar da um aperto no coração, uma vontade enorme de chorar ( dramatica eu ?? Magina), sabe aquelas historias em que se apegamos aos personagens? Que dá a impressão que faz parte da família? Parece que ta abandonando uma parte de se proprio, as vezes sinto que abandonei, mas como eu disse não foi porque eu quis 😭😭!!
    Mas também me traz uma sensação tão grande de nostalgia, passei uma parte basicamente da minha adolescencia lendo fics, e isso nao foi algo ruim, pra me simplesmente foi uma das melhores épocas e foi ai que "peguei" o hábito de ler livros, (eu achava chato ler) ai quebrei a cara (no bom sentido, se assim pode se dizer) e agora que estou viciada na leitura! Mas não tenho tempo!!
    E queria muitooo agradecer a todas as escritoras dos blogs/fics sobre o nosso menino o Juninho(meu orgulho ), vcs não imaginam o quanto já me ajudaram mesmo indiretamente, nos meus dias de bad,nos meus dias de solidão, e ate na minha depressão!! me fizeram rir muito!!então não vim cobrar nada kkk!!
    Eu só vim simplesmente agradecer por tudo mesmo!!
    Pra TODAAAAAS AS MENINAS que tiram uns minutos ou até horas, compartilhando a criatividade e os sentimentos que vem acompanhado nas história!!!ja me emocionei muito lendo de verdade! Então pra me faltava algo, e era isso agradecer a Vocês Meninas!!
    Obsss:: morro de saudades de voces meninas, principalmente do grupo!!


    Um bjo pra quem quizer da kah!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que lindo ler isso!! Entrei aqui por acaso depois de mais de 1 ano e encontrar esse comentário foi muito importante pra mim. Essa época de fics vai ficar pra sempre no meu coração pois era onde podíamos descarregar nossos sonhos e torná-los realidade pelo menos nas nossas cabeças.Ah, eu lembro de você sim, lembro de todas!! Agradeço a todas que um dia tiraram um tempinho para ler nossos sonhos aqui. Foi maravilhoso enquanto durou. Beijo grande pra quem passar por aqui ��
      Liza ��

      Excluir
  57. Cadê vcs ����

    ResponderExcluir
  58. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  59. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  60. Tô doida que vcs continuem essa fic incrível, voltem assim que puderem 💜😓

    ResponderExcluir