quarta-feira, 28 de maio de 2014

forty two ♡

Era ela de novo. A Nicole Putacat Bahls. Tava com um vestido tão colado que quase entrava no rêgo dela. Mais o que me deixou possessa não foi o fato de ela estar ali. E sim ela estar nesse exato momento, com o braço passado por trás do pescoço dele, falando algo em seu ouvido. Ele estava tentando sair, pelo menos era o que parecia.- Rafa: cara , o Junior é um idiota -a olhei e ela tbm estava olhando pra eles lá.- Dinha: desculpa amiga mais, eu vou lá. -ele riu fraquinho e eu fui. Há, e eu lá sou de me intimidar? Não! Fui me aproximando, e vi os meninos parando de falar e arregalando os olhos pra mim. Olhei pro Gustavo e fuzilei ele com os olhos.- Dinha: quer uma ajuda aí Ju ? -minha boca tremia e eu nem sei como aquela frase saiu. A demonha olhou pra mim sem tirar as mãos dele. O Junior tbm olhou e tbm arregalou os olhos.- Nicole: ajuda pra quê que .. -interrompida- Njr: ah .. é .. -se soltou dela- onde tu tava? tava te procurando. Dinha: fui falar com a Rafa. Nicole: quem é ela Juniorr? -falou com aquela sotaque caipira dela e eu ri- Njr: ela ? -me olhou- essa é a Amanda, Amanda essa é a .. -interrompi- Dinha: Juju né? .. ah não, é a Dani Bolina? Ou seria Sabrina ? -ouvi uns risinhos dos meninos- Nicole: é Nicole. Dinha: ahhh é , nem lembrava -sorri- muito prazer -estendi minha mão e ela pegou sorrindo sínicamente como eu.- Nicole: prazer Alana. ah não .. quem é ela mesmo? já esqueci. -gargalhei- Dinha: quem sou eu mesmo Junior? -ele bufou nervoso-
Njr: essa é a Amanda, minha gata -olhou pra mim e sorriu me fazendo sorrir tbm- Nicole: sua gata? -riu- Dinha: algum problema? tá rindo de que meu amor? Nicole: nada não .. não dou 15 dias pra isso mudar. Njr: sem ceninha Nicole, por favor. Nicole: Ah Neymar fala sério, se você não quis namorar comigo -apontou pro próprio corpo- no mínimo essa aí deve tá te dando todo dia -gargalhou. O Junior pegou embalo pra falar algo mais eu não deixei.- Dinha: fica tisti não, vai ver ele não curtiu muito esse rombo que você chama de buceta! -ai peguei pesado. Os mlks fizeram "uhh" e ela ficou meio chocada.- Nicole: você nem me conhece pra falar assim comigo querida. Dinha: te digo o mesmo querida. Nicole: e você não é ninguém. Dinha: é mesmo? então me fala quem é você. Nicole: eu sou alguem superior á você, que é uma maria chuteira pérrapada, e que não passa de uma putinha que nem de luxo é. -já tava morrendo de vontade de dar, depois de ouvir isso então, fui pra cima. O Junior entrou no meio mais deu pra eu meter um tapa na cara de traveco dela.- Dinha: vou arrancar tua lingua sua travecona do caralho! Nicole: nossa Junior cuidado, pelo tipo de linguagem vai saber da onde veio isso. Dinha: de onde eu vim? não, a pergunta é , pra onde você vai? E eu te respondo , vai voltar pro galinheiro de onde você nem devia ter saído! Mari: o que tá acontecendo aqui ? -as meninas chegaram lá.- Dinha: a putinha de luxo, como ela mesma se intitula, acabou de levar um tapa na cara.
Nicole: e você vai se arrepender muito disso. Dinha: vou? nossa, vou durmi com a toneira pingando na minha cara -ironizei e todo mundo riu- Njr: CHEGA! vai garota, rala daqui -olhou pra Nicole- Nicole: eu ? Njr: é, não sabe repeitar vai procurar tua turma. Nicole: tá bom , os dois vão se arrepender disso! -nos olhou e saiu cavalgando com aquela cara de cavalo e sua corja atrás.- Rafa: velho tu é louca -dei de ombros e ri- Godoy: tu é foda cara, pqp ! -riu- Gui: tem meu respeito pra sempre -riu tbm- Dinha: e tu Junior? gostou? deve ter amado né ? -balancei a cabeça negativamente e saí andando. Ouvi a voz dele ainda bem perto de mim e percebi que ele vinha atrás. Quando eu tava quase descendo pra pista lá embaixo, senti uma mão me virando pra trás, era o Junior claro.- Njr: não fui eu que chamei ela aqui Dinha: mais pelo visto foi você quem recebeu ela né? porque eu vi muito bem ela pendurada em você. Vai negar? Njr: não, não vou negar que ela tava querendo alguma coisa. Dinha: alguma coisa? não sabe o que? o que ela falou no teu ouvido então? Njr: eu sei lá. Tu acha que eu ouvi alguma coisa com todo esse barulho? Se fosse pra eu fazer alguma coisa tu acha que eu ia fazer aqui? nem se você não visse, as meninas tão aí ó. Nem se elas não vissem, tem os mlk tbm. A Mari ia arrancar alguma coisa do Gil, ou A Liza tbm podia arrancar alguma coisa do Paulinho. Ou tu acha que todo mundo ia fechar os olhos? Ah para né, o que você acha que eu sou? Dinha: eu não tô dizendo o que você é ou não é. Só não acho que tenho que suportar essas piranhas te rondando. E se você não suporta os meus ataques, é melhor a gente parar por aqui.
Njr: quê? Eu nunca vou cogitar essa possibilidade Amanda. -abaixei a cabeça. Ele pegou a mesma com as duas mãos e levantou meu rosto.- ouviu? quantas vezes vou ter que te provar que é com você que eu quero ficar? -olhei pra aqueles olhos tão verdinhos parecendo passar tanta sinceridade naquele momento. Só que eu tenho meus motivos cara. Mais, eu tenho que aprender a dar o braço a torcer.- Dinha: não precisa mais provar, só que eu não tenho sangue de barata, e diante disso ninguém vai ter. Njr: então fala isso pro Gustavo , porque foi ele que chamou ela ! -falou num tom mais alto e virou as costas. De imediato peguei no braço dele.- Dinha: espera! não quero brigar. Com quem eu tinha que brigar eu já briguei. E mandei bem fala aí ? -ri e ele acabou rindo de leve tbm.Se aproximou de novo e pegou na minha cintura.- Njr: incrível essa sua capacidade de fazer com que tudo o que você faz me .. -sorriu- Dinha: te .. Njr: apaixone -sorri.- Dinha: e você tem a capacidade de fazer com que eu faça essas por puro encantamento. Nunca achei que fosse fazer isso por um homem -ri- Njr: e eu nunca achei que fosse ficar tão entregue por alguém -sorri- mais aqui não é lugar pra gente sobre isso. Vamo voltar pra lá e curtir -assenti e fui indo mais ele me segurou de novo- mais antesss -me deu mais um puxão colando nossos corpos e bocas. Começamos um beijo com uma puta de uma pegada! Que modéstia parte só ele tem. A língua dele estava desenfreada na minha boca kk. Fui acompanhando naquele ritmo rápido e gostoso. Ele apertava minha cintura e eu peguei em sua nuca deixando tudo mais intenso. Quando a falta de ar deu sinal, paramos com ele sugando meu lábio inferior. Sorrimos um pro outro, ele pegou na minha mão e fomos voltando pra lá de novo.- Godoy: ó, chegou a onça -riram e o Gui fez aquele barulho de onça -.- , geral gargalhou.- Dinha: nossa , morri de rir. Ph: zoa não hein mlk , se não ela vai "arrancar tua lingua sua travecona". -me imitou e riram de novo. Não aguentei e acabei rindo tbm. Ficamos ali curtindo e eu tive que aturar os troxa me zuando. Pedi pro Gui encher meu copo de novo com vodka e red. Fiquei lá bebendo e graças a Deus não vi mais a Putacat. Conhecemos mais alguns amigos dos meninos e tal. Tinha mó galera perto da gente, depois de um tempo e Gus chegou perto da gente de novo.Ficou lá zuando com os mlk e depois veio pro meu lado.- Gustavo: tá bolada comigo né loira? Dinha: o que tu acha? eu sei que é teu aniversário mais tu mandou malzão. Gustavo: po, chamei ela e as amiga pra formá comigo e ela já chegou perguntando do Juninho. Dinha: é, pra tu ver o tipinho né? quando for assim leva pra tua casa de uma vez. Gustavo: tô ligado, foi mal mesmo. Dinha: de boa mozão -rimos e eu abracei ele.Continuamos ali curtindo, chegou o rhauzinho bebiiinho zuando pra caralho kk.-
Rhauzinho: vai vai vamo de foto -deu uma cambaleada e o boné dele caiu , rimos kk. A Mari pegou e colocou na cabeça dela. Subiu lá num treco e abraçou o Gus, fui tbm , do lado do Rhauzinho , o Gil tirou lá e ele postou.- rhauzinho: Fechamento certo lek @dinhafontinelli @mabittencourt @guustavo92 #vilamixdogu

bondedotois: a cara de bêbado do rhauzinho kk rhauzetes: lindos, meu amor nem tá causando kk. pridenjr: Lindoooos !! fabitorres: me levaaaaa kk princesamari: minha princesa @mabittencoutt vanessalima: Parabéns pro Guuu amornjr: Junior tá aí *-*
Continuamos ali curtindo e começou o show do Gusttavo Limaaa. Todo mundo ficou mais animado e tal.- Dinha: aí Gui , não tá na hora da TQ ? Gui: opaaa , vou buscar, quero só ver -riu e foi indo pro bar. Olhei pro Junior e ele balançou a cabeça negativamente. Fiz biquinho pra ele que acabou rindo. Logo o Gui voltou com uma garrafa de tequilla, um pouquinho de sal em um copo e alguns limões cortados numa vasilha kk. - Dinha: tu é pica! onde tu arrumou isso? Gui: se eu sou pica, já vê por aí né -rimos- eai, quem vai fechar com o Guizinho aqui? -alguns meninos vieram e ele olhou pra Liza. Ela mexeu o dedo indicando não.- ahhhh Lizinha, vai arregá? -ela riu e olhou pro Paulinho sorriu pra ele e veio tbm. Coloquei um pouquinho de sal na mão, peguei o copo e virei com tudooo, depois chupei o limão.Senti minha cabeça girar mais velho aquilo era bom dmss.- Gui: aiii papai , representou mano , toca. -fizemos um toque lá com as mãos. Fiquei desse jeito, dando um tempo e depois ia lá tomar mais um dose kk. O show tava bombando, a com a TQ fiquei bem mais animada. Vi o Gus vindo pra perto da gente, e me aproximei.-
Dinha: quero fotoo -ele riu- tira pra mim aí amiga? -falei pra Liza, ela tirou e eu postei.- dinhafontinelli: Parabéns Gordinho! Tudo de bom, que você continue sendo esse mlk maravilhoso que você é, e que nunca mude esse seu jeito, sabe que pode sempre contar comigo pro que der e vier ! Te amoooo   #bdaygustavo @guustavo92

sorriadinha: Que cabelo lindo divaa #bdaygustavo
danimorais: Lindos!! gustavetes: meus amo felipeduarte: se deu bem o mlk kk alwaysnjr: que lindosss meninasdotois  Gu tá gaaaaato kk
tainalopes91: Parabéns pro Gu , muitas felicidades! guustavo92: aeeee loirinha, muito obrigada por fazer parte de tudo! Tamo junto sempreee #toiss
Nos olhamos e rimos. Uns mlks chamaram ele e ele foi. Continuei ali. A galera acabou se dispersando por aí. Olhei pra trás e vi o Junior encostado na grade tomando o red bull dele e olhando o movimento sozinho. Ai meu Deus será que eu exagerei de novo na diversão e ele tá com raiva?. Me aproximei devagar e coloquei a mão em seu ombro. Ele me olhou e sorriu fraquinho.- Dinha: porque tá aqui sozinho? Njr: tava esperando uma vaga na sua noite pra mim. Dinha: ah Ju, para com isso vai. Njr: tô falando sério, tu nem ficou comigo hoje. Dinha: aiii meu Deus, vai fazer manha agora é? -sorri e me "pendurei" no pescoço dele. E ele permanecia sério.- hein? -dei um beijo na bochecha dele- hein Ju? -dei mais um. Fui dando varios beijinhos no rosto dele até fazer ele rir.-
Njr: para! -me pegou pelo braço e eu o encarei- eu não consigo ficar bravo com você , sua chata. -sorri e ele me deu um selinho que acabou virando mais um beijo. Me encostou na grade de novo com aquela pegada.. Meu pai do céu! Deixei rolar lá até a falta de ar vir e pararmos.- Dinha: para de me pegar assim de surpresa -rimos de leve- Njr: tu que me atiçou -veio beijando meu pescoço e parou na orelha- vamo lá pra casa hoje? Dinha: tá doido? -empurrei ele e ri- Njr: porque não? Dinha: porque eu não quero chegar tão tarde hoje. Amanhã meus pais e os pais das meninas querem pegar uma praia e exigiram que a gnt fosse, porque faz tempo que a gente não faz nada em família e blá blá blá. -ele riu e veio de novo!. Pegou na minha cintura forte- Njr: nem uma rapidinha? Dinha: af Junior -empurrei ele de novo- então cê prefere que seja rápido, do que .. -interrompeu- Njr: não , de jeito nenhum -riu- eu falei do jeito errado , é que cê me deixa louco -gargalhei- em todos os sentidos porque depois de hoje .. Dinha: o que? Oi? Nem lembro do que aconteceu -rimos- vamo procurar o povo vai -peguei na mão dele e fomos indo. Espero que a viagem de segunda não esfrie esse fogo todo dele .. ~Amanda off~
~Mari on~ Festinha de Niver do Guss hoje. Tá beem top, mais pra variar não tô me sentindo bem de novo. Meu Deus, isso tem que acabar. Mais se tem uma coisa que eu tenho medo nessa vida, é de médico. Sei lá, me sinto tão frágil quando tô num hospital, como se eu fosse um bebê af. Mais se continuar assim vou ter que ir porque com essa tontura não dá pra viajar bem. Bom, maiss, voltando a festa, tô tentando curtir ao máximo e sem deixar o Gil perceber que tô meia mal de novo. Já que hoje ele tá todo carinhoso comigo. Beber eu tbm não quis, vai que eu pioro né. Agora tô aqui dançando agarradinha com ele. Ao som de Thiaguinho, 'Ainda Bem'-
Gil: ainda bem que te encontrei , agora sou mais feliz .. -cantou no meu ouvido e eu me virei pra ele sorrindo. O Abracei e ficamos dançando assim devagarzinho. Nem sei se tinha alguém por perto, mais é nesses momentos que eu sinto o mundo sendo só nosso. Ele foi me girando devagar, e de repente senti aquela tontura de novo.- Mari: para , para . -fiz ele parou e coloquei a mão na minha cabeça.- Gil: que foi? não vai me falar que tá passando mal de novo.-claro que eu não vou falar nada pra ele. Não quero que ele pense que eu sou uma doente.- Mari: não! é que tu me rodou e eu fiquei meio tonta -ri forçado- só isso. Gil: ah .. tá bom -ficou meio disconfiado mais nem vou falar mais nada.- Mari: vem -sorri e abracei ele de novo. Depois de um tempinho ali sozinhos, vimos algumas pessoas do bonde se aproximando de novo. Continuei ali curtindo com ele. Até sentir mais uma vez aquela vontade incontrolável de fazer xixi.- amor, eu vou no banheiro tá?
Gil: de novo? Mari: é -ri- Gil: volta logo hein? -assenti. Fui em direção aos banheiros, entrei lá do lado feminino, fiz xixi, saí, lavei as mãos e de repente senti a tontura de novo. Abaixei a cabeça, lavei meu rosto, respirei fundo novamente e saí do banheiro. Já lá fora, me encostei na parede. Fiquei ali por uns segundos me recompondo.- xxx: Mari? tá bem? -colocou a mão no meu ombro. Olhei pra pessoa e era o Gustavo.- Mari: tô .. eu só .. -interrompeu- Gustavo: passou mal de novo né? Mari: é .. não tô muito bem de novo. Gustavo: po Marizoca tem que ver isso né. Tá demais já. Mari: mais já melhorei Gu. Vai passar. Gustavo: vai mesmo, assim que você for no médico. Mari: não! de médico eu nem quero chegar perto. Gustavo: e como tu vai viajar assim? não é segunda a viagem? Mari: é sim Gustavo: então meo, tu vai lá pra se divertir e passar mal? Mari: não quero isso né. Gustavo: pois é. Então vai no médico logo, vê logo um remédio pra isso e pronto. Já pensou se tu desmaia por aí? E pelo que eu tô vendo, tu fica disfarçando perto do Gil. Mari: ai vlh , não conta pra ele por favor! Sério mesmo. Ele vai pensar que eu sou doente, sei lá. Gustavo: nada a ver, ele vai te ajudar, ficar do teu lado. Mari: poor favor Gu, não conta. Eu vou ver isso. Gustavo: promete? -encarei ele- Mari: prometo vai -sorri e abracei ele- foto com o aniversariante?? Gustavo: opa, pra já. -coloquei na câmera do meu iphone, e dei pra ele tirar. Ele tirou e deu pra eu postar.-
mabittencourt: Guuu, parabénns! tudo de bom, muita paz, saúde , felicidades , gatinhas e festinhas pra toiss haha. Obrigada por ser um amigo tão bom e presente na minha vida. Deus te abençõe muuuitoo , amo você  #bdaygustavo @guustavo92
bondedotois: amoress meuss #bdaygustavo giseledias: Lindos! princesamari: tá com uma carinha triste diva.. nacamadogil: que cara de pamonha ela tá kkk meuanjonjr: lindos, parabéns @guustavo92 saragomes: mais é lindo esse Gustavo gnt! guustavo92: vlwww zocaa, é nois sempre pro que der e vier! Tamo juuunto #toiss
Ele comentou ali do meu lado e depois fomos voltando pra perto do povo.- Gil: oloco , foi no banheiro de casa né? Mari: é que eu encontrei o Gu e a gente ficou conversando. Gil: rum, abre o olho hein mlk -olhou pro Gus e a gente riu- Gustavo: aê , chegou as plaquinha. Liza: onde onde onde? -ele aponto e ela e as outras meninas foram lá pegar algumas. Fui tbm. Pegamos várias,voltamos pra lá e tiramos várias fotos mais nem vi quem tava postando.Os minutos passaram e eu voltei a curtir de boa sem passar mal de novo. Peguei uma latinha de red e fiquei bebendo ainda abraçada no Gil.- Liza: miga, tira aqui pra mim ? -me deu o celular dela e eu tirei uma foto dela com o Gu. Depois ela veio e postou lá do meu lado.- lizalbuquerque: Gu meu amor! Hoje é seu dia. Parabéns,muitas felicidades, que você continue sendo essa pessoa cativante e especial que é. Td de bom, que Deus te abençoe hj e sempre! Amo vc    #toiss
gustavetes: gente, o Gu tá muuito gato, para! brilhaliza: Lindoss   biafontes: só não saquei qual é a da plaquinha kk familiatoiss: gatos demais genteee orgulhoph: onde foi essa festa?? *-* pamelalemos: vila mix @orgulhoph guustavo92: obgd por tudo morena, sempre noisss #tmj #toiss
Parei de ver quando o Gil me puxou de novo.- Mari: ai -ri- que foi? Gil: vamo aproveitar esse climinha e descer lá pra casa? -sorriu malicioso e eu ri- Mari: sua casa? -ele assentiu- e seus pais? Gil: essa hora tão puxando o ronco já -rimos- Mari: ai vlh sei lá -ri e ele pegou na minha cintura- Gil: vamo vai -beijou meu pescoço- ficar de boa, juntinhos.. Não tô falando de sexo só não. Tô falando em ficar junto e tal. Mari: ai meu Deus, vamo vai -ri- agora? -ele pegou o celular e olhou- Gil: três e um da manhã agora. Mari: é , vamo . Gil: taml indo galera, flw -foi pegando na mão dos meninos até chegar no Gus- vlw irmão,tava tudo pica , felicidades, nois -abraçou ele e eu tbm me despedi de todos- Mari: foi top Gus, parabénss -abracei ele- beijo gente -mandei beijos no ar, todos responderam e eu fui saindo dali com ele. Fomos até o carro, ele destravou o mesmo, entramos e partimos.- Gil: vixi mó larica , vamo passar em algum lugar? -eu tava com fome, mais tudo que eu come eu vomito. Exceto saladas e frutas, não sei porque meu corpo tá rejeitando tudo.- Mari: vamo, tô morrendo de fome. -ele seguiu. Fomos descendo a serra. Quando chegamos no Mc que tem lá ele estacionou lá.-
Gil: eai vai querer o que? Mari: ai não sei , vou contigo e escolho lá. -desci com ele e entramos lá. Decidi pegar o Angus Deluxe, um suco de laranja médio e batata pequena. Nem ouvi o que o Gil pediu. Pagamos lá, esperamos uns minutos até os sacos chegarem e fomos pro carro. Ele deu partida de novo e descemos pra baixada [...] Chegamos aqui no prédio do Gil. Estacionamos na garagem, descemos e ele travou o carro. Veio pra perto de mim e entrelaçou nosso dedos. Pegamos o elevador , subimos pro andar dele, e lá entramos no apê. Tava tudo escuro, subimos direto pro quarto dele. Coloquei os embrulhos em cima da cama dele e sentei na mesma. Ele ligou e tv e abaixou o volume da mesma. Depois subiu na cama ficando do meu lado. Pegamos os lanches e começamos a comer[...] Terminamos de comer, o Gil pegou todo o lixo, amassou e jogou pro chão.- Mari: tá loco? -ri- joga isso no lixo menino Gil: depois eu cato -deitou na cama, e pegou na minha mão, deitei tbm encaixando minha cabeça em seu peito. Tava passando um filme qualquer na tv, ele colocou a mão nos meus cabelos e ficou carinhando os mesmos. Depois de uns minutos assim, ele se virou pra mim, nos deixando cara a cara. Ficou fazendo carinho no meu rosto enquanto eu olhava seus olhos.- Gil: cê é linda sabia? As vezes eu fico pensando se te mereço .. Mari: por que tá falando isso agora? Gil: sei lá, deu vontade.-eu ri- sério, sou tão cheio de defeitos e você é tão .. perfeita não sei. Mari: eu? Tô longe disso. Todo mundo tem defeitos.
Gil: mais acho que os meus podem te machucar muito um dia. Mari: tipo? Gil: tipo, não parece mais eu sou confuso pra caralho. E sou meio machista as vezes também, falo coisas no impulso e um dia essas coisas podem te fazer sofrer. Mari: e eu que sou toda insegura? Penso que isso te cansa as vezes. Gil: pode me deixar com raiva na hora mais cansar não cansa -riu com o nariz- eu já me acostumei com o teu jeitinho. -sorri- Mari: e eu já me acostumei com o teu -ele sorriu tbm. Coloquei a mão em seu rosto e aproximei o mesmo do meu. Encostei nossos lábios e ele logo tratou de começar um beijo. Colocou sua mão na minha cintura, fazendo com que eu me envolvesse naquele entrelaçar de línguas. E realmente aquilo foi me envolvendo. Fui ficando molinha e ele se curvou um pouco quase subindo em cima de mim e sem parar o beijo. Permiti isso, o abraçando. Assim que pressionei meu corpo no dele, senti uma moleza estranha. Não era de emoçãou ou sei lá. ai porra , era aquela náusea de novo. Foi piorando .. piorando .. até que o enjoo veio fortemente, empurrei o Gil e respirei fundo fechando os olhos.- Gil: que foi? -abri os olhos e olhei pra ele. balancei a cabeça negativamente. Me levantei e corri pro banheiro do quarto dele. Entrei, fechei a porta, abri a tampa da privada, segurei as mãos na parede e soltei o que estava segurando. Sim, vomitei de novo. Coloquei tudo pra fora DE NOVO! Quando terminei, dei descarga, joguei um pouco de desinfetante que tava lá, lavei minha boca e me olhei no espelho. Sinceramente eu não aguento mais. Eu nunca vi alguém ficar desse jeito! E agora? como eu vou encarar o Gil? Bem, eu sou obrigada a encarar né? então vamos lá. Me recompus e abri logo a porta do banheiro. A luz do quarto já tava acesa e ele tava de pé, de braços cruzados me olhando.- Mari: ai Gil eu não se.. -interrompi- Gil: não sabe? sabe sim. Vai, pode ir me falando o que tá acontecendo com você. Eu não sou besta não. Tô vendo você passando mal o tempo todo. E só quem sabe o que você tem, é você mesma. Mari: não, eu não sei. Eu não sei o que tá acontecendo comigo.Eu juro, e tô ficando bem assustada já. -ele coçou a cabeça e me olhou parecendo bem preocupado. Foi se aproximando- Gil: então porque você não vai no médico? porra, tu acha que isso vai passar assim sem fazer nada? deixando rolar? Mari: não, só que eu tenho medo de médico. E também tenho medo de .. -parei meu olhar no dele- Gil: de quê? Mari: de te perder. Vai que eu tenho alguma doença sei lá. Gil: ahhh Mari, para, nada a ver. Deve ser algum problema de estômago. Mari: não sei .. Alguma coisa me diz que não é isso. -passei a mão no rosto. E senti o corpo dele me abraçar- Gil: claro que é gatona. Cê é linda, saudável, fica tranquila. Quer ir amanhã? Mari: aonde? Gil: no médico -riu- Mari: não, amanhã eu vou terminar de fazer minha mala. Quando eu voltar de viagem eu vou. Enquanto isso vou comprar um remédio pra náusea pra tomar lá. Gil: ah , é .. A viagem -revirou o olhos e abaixou a cabeça. Sorri com aquilo.- Mari: bonitinhooo , com ciúmes de miiim -debochei- Gil: hahaha , lógico. Mais não vai adiantar nada eu ficar de bico porque cê vai assim mesmo. Mari: vou -ri- mais não vou nada de errado. Vou me divertir. Desde pequena , eu e as meninas queríamos crescer logo pra ir pra porto. -ri- Gil: eu entendo .. Quer dizer .. Acho que entendo. Tu vai ter que me ligar de 10 em 10 minutos. Mari: prometo -cruzei um dedo no outro e beijei. Ele sorriu- Gil: bora então? Mari: vamos né. Me desculpa por estragar nossa noite? Gil: a gente vai ter outras pra compensar não vai? Mari: coooom certeza -rimos- Gil: então tá de booa -segurou meu rosto me dando um selinho. Pegou na minha mão e abriu a porta do quarto. A Luz do quarto dos pais dele tava acesa.- Gil: vamo logo antes que a minha mãe escute a gente. -eu ri e desci rapidão com ele. Ai ainda bem que ele quis assim. Já tô "muito bem" pra ficar aguentando a falsidade da mãe dele pro meu lado. Saimos do apê, pegamos o elevador e descemos pra garagem. Lá ele destravou o carro e entramos no mesmo. Ele deu partida e saimos do prédio. Ligou o som bem baixinho e tava tocando alguma música do Revelação. Fomos conversando mais meu pensamento tava longe. Eu sou muito inquienta, se tem alguma coisa errada eu não sossego enquanto não resolvo. Não sei se vou me aguentar até a volta da viagem pra descobrir o que eu tenho. Bom, em alguns minutos paramos em frente minha casa.- então, amanhã a noite dou uma passada aqui. Mari: tá bom, não vem muito tarde porque amanhã vou durmir cedo. Gil: beleza -sorriu e se aproximou pra me beijar- Mari: só um selinho , porque eu acabei de.. -fiz uma cara estranha, ele gargalhou e assentiu.Pegou no meu rosto e me deu um selinho.- Mari: vou lá tá ? Gil: tá bom , dorme bem. E qualquer coisa que você sentir sei lá, me liga. Mari: tá bom, obrigada por se preocupar Gil: é meu dever cuidar de você -sorri e dei mais um selinho nele- Mari: boa noite -saí do carro e rapidinho entrei em casa. Fui direto pro meu quarto porque tava exausta e morta de sono. Entrei no meu banheiro, me despí e tomei um banho rápido, coloquei uma camisolinha e deitei. Eu tava super preocupada, mais sinceramente,ficar pensando nisso agora, não vai me levar á nada. E se for pra eu morrer, pelo menos vou curtir primeiro kkk ai credo. Virei pro lado e logo adormeci [...] ~Mari off~
~Ph on~ Desde que eu decidi minha situação com a Giovanna na quinta, tenho eu tenho pensado muito em como retribuir todo esse tempo perdido com a Liza. Claro que fazer ela feliz, é a primeira coisa que eu penso, mas nada me tira o peso que eu sinto por ter feito ela sofrer. Mais também acredito que agora vai pra frente. Ontem teve bom na festa do Gustavinho. Foi top! Saí de lá com a Liza era 3h da manhã. Hoje é domingo, e o Santos só joga na quarta. É a final do paulista contra o Santo André. O primeiro jogo é na quarta e o outro domingo. Amanhã a tarde já vou concentrar, e a Liza vai viajar. É, tô bem bolado com isso. Eu confio nela sim. Também, depois de tudo, tenho que confiar mesmo. Mais não posso fingir que não tô com um puta ciúmes. Só de lembra daquele playba que ela pegou na balada me dá um ódio! E lógico que vai chover de macho em cima dela. Mais como eu falei, confio nela.. Bom, são 11:06 e eu acabei de sair do treino. Tô entrando agora no meu carro, liguei o mesmo e parti. Liguei o som no Thiaguinho ainda no clima de ontem né. Fui cantarolando o caminho todo. Quando parei num sinal fiquei batendo no volante no ritmo da música. Quando olhei pro lado tava em frente uma loja de griffe que passei ontem por aqui com a Liza na volta da Vila Mix. A luz da vitrine tava acesa e ela ficou maluca por um vestido que tava na vitrine. E que ainda tá. Ela deu um grito, ficou estérica kkk Ri muito dela. Aliás, só de lembrar daquele sorriso eu começo a sorrir.
Abriu o sinal, eu arranquei. Tava perto de casa já, então logo cheguei. Estacionei na garagem do prédio e subi. Quando cheguei lá conversei um pouco com a Rosa que já tava indo embora e deixou meu almoço pronto. Aproveitei e avisei ela que meus pais voltam amanhã do Pará. Depois que ela foi, subi pro meu quarto, tomei um banho, vesti um shorts e desci pra almoçar. Depois que almocei fui pro sofá descansar. Peguei o celular e fiquei fuçando o insta. Olhei as fotos de ontem , curti e comentei algumas e continuei olhando o feed. Quando cansei parei de ver lá e voltei a atenção pra tv. Eu pensava na Liza o tempo inteiro. Incrível como essa menina não sai da minha cabeça. Uma hora dessa ela deve tá indo pra praia. Falou ontem que ia com os pais e as meninas e os pais delas. Tipo, eu já sinto que ela é minha, mais sei lá, parece que falta alguma coisa ... Claaaaaro seu troxa! Claaro que falta. Falta o mais importante.Oficializar!! E tem que ser um bgl que ela não esqueça nunca mais porque ela merece. Peguei o celular de novo, fiz um grupo no whats com a Mari e a Dinha.Chamei.- ~ajudaproparçaaqui~ Ph: aê, já tão na praia? não mostra isso pra Liza. Dinha: vamos daqui a pouco kk porque? Ph: preciso de um favor de vcss Mari: vishh lá vemm Ph: vão poder fazer? Dinha: fala o que é kkk Mari: tem a ver com a Liza, óbvio. Ph: sim, óbvio kk Mari: fala então kk Ph: preciso que vocês peguem a chave da casa dela. Dinha: ooi??? tá doidão? Mari: nossa velho kk pra quê ? Ph: porque eu vou fazer uma surpresa pra Liza.E preciso entrar na casa dela kk Dinha: ai meu Deus, já vi que a casa dela vai virar um rio de lágrimas mais tarde kk Ph: porquê? Dinha: porque com ctz ela vai chorar, e eu tbm , e a Mari , e todo mundo kk Ph: chorar não sei mais ela vai gostar com certeza. Mari: que fofo kk mais olha lá hein. Não vai rir dela.
Ph: rir? Mari: é, ela ainda não "desmontou" o lado fã dela no quarto. Dinha: verdade, só dá tua cara feia naquele quarto kk Ph: feia teu nariz kkkk Mari: kkkkk então, qual é o plano? Ph: então, preciso que vocês peguem a chave dela e deixa no vaso de planta, embaixo do tapete sei lá. E também que segurem ela e os pais na praia até eu fazer tudo. Dinha: segurar ela na praia não vai ser muito difícil. Agora pegar a chave .. putzzz kk Mari: pode crer kkk mais nois dá um jeito, pode deixar. Ph: aeee vlw ,ceis são foda 
Dinha: eu sei hahaha. Então a gente vai se falando por aqui. Mari: isso, quando a gente chegar na praia. avisamosss. Ph: beleza, brigada mesmooo. Depois dou um chocolate pra vocês kk Mari: chocolate? teu rabinho kkk Dinha: teu rabinho meeeesssmo kk Ph: depois a gente vê isso flw? Mari: flwwww kk Dinha: blzz kk . Quando a gente tiver lá te avisa. 
Saí do whats e subi pro meu quarto de novo. Vou me trocar, ligar pro Juninho me ajudar e depois partiu fazer minha morena sorrir.. ~Ph off~
~Liza on~ Festinha do Gus ontem, tooop! Bebi, dançei , me diverti e curti demais do lado de pessoas com um astral in-crí-vel kk. Tá sendo maravilhoso conviver com essa turma. Eles tornaram minha adolescência melhor impossível. Na verdade Deus me deu eles de presente e junto com isso um amor. O amor que Deus escolheu pra mim. E que vai me marcar pra vida toda. Bom, agora tô terminando de arrumar minha bolsa pra partir pra praia com a família. As meninas tão aqui do meu lado cochichando não sei o quê.- Liza: tão cochichando o que aí? Dinha: co..cochichando? nada ué. Mari: a gente tá conversando. e..e vai logo aí. Liza: rum Dinha: já pegou o protetor? Liza: ai, é mesmo. Ainda não. -fui no guarda roupa, abri a parte dos meus cosméticos e vi que meu protetor não tava lá.- não tá aqui .. que saco. Odeio quando minhas coisas somem!
Mari: eu vi ele no banheiro. Liza: banheiro? Quem colocou lá? -elas deram de ombro e eu fui no banheiro. Procurei o protetor e tava dentro do armarinho. Nossa, eu não coloquei aqui kk. Voltei pro quarto e as meninam que estavam em pé sentaram na cama disfarçando alguma coisa.- Que foi? Mari: que foi o que? Liza: eu entrei e vcs tavam disconfiadas. Dinha: não .. -mexeu no cabelo. Toda vez ela faz isso tá disfarçando- Liza: eu hein. Tavam fazendo alguma coisa.. Mari: a gente não tava! Vai logo meo. Liza: tá, calma. Já teminei vamo -ri e peguei minhas coisas. E fui descendo e procurando minha chave dentro da bolsa. E não achei. Olhei na estante e tbm não tava. Ah, vou voltar com os meus pais mesmo, então, depois eu procuro. Fui saindo de casa e nossos pais já estavam no carro esperando. Entramos lá e partimos pra praia.[...] Bom, já estamos aqui na beach no canal 4. Solzinho forte,já coloquei meu boné. Agora tô aqui sentada na cadeira conversando com as meninas que não saem do celular. Nossos pais tão um pouquinho pra lá.- Liza: cara, vocês não saem do celular. Meu Deus. Vem pra praia pra quê? Curtindo não tão. -elas riram e guardaram lá. Passou lá o carinha do sorrrrvete (amandaentendekk), comprei um picolé da KiBom de morango com aquela casquinha de chocolate. Ai amo! A Dinha pegou um magno, e a Mari um Tablito. Comemos lá entre conversas. Quando terminei, tirei uma foto e postei.- lizalbuquerque: "Da paz e do amor eu quero muito mais"#beachcomafamília

brilhaliza: gente, que pefeição  caioyukio: Linda! bondedotois: gataaaaa bielmaciel: seduziu 
alwaysph: olha esse link http.www.ego.com/phganso-esta-solteiro48294 tudopeloph: você é maravilhosa cara! breathneymar: perfeita, amei o boné. gansasdoph: babado esse link hein @lizalbuquerque kkk zizacypriano: ui peitão  
Essa Ziza é demais kk. E esse link "babado"?? Cliquei né.-
PAULO HENRIQUE GANSO ESTÁ SOLTEIRO
Craque confirmou fim do namoro com Giovanna Costi

Parece que chegou mesmo ao fim o romance do jogador, PH Ganso com a estudante, Giovanna Costi de 17 anos. Os dois estavam juntos desde o começo de 2009, quando Ganso ainda estava se adaptando á equipe profissional do Santos. Aparentemente muito apaixonados, os dois sempre trocavam declarações nas redes sociais. Porém, nos últimos meses o relacionamento não ia bem. O camisa 10 chegou a confirmar a estremecida do namoro com a jovem. Após alguns rumores, a acessoria de Ganso afirmou o término. Segundo fontes anônimas, um dos motivos do fim do namoro seria de que o craque teria conhecido outra garota, e com a mesma estaria tendo um affair á cerca de quase 3 meses. O nome do suposto novo amor da jóia santista, não foi divulgado.
Ca-ra-lho! Fiquei pasmaaaaa -
Liza: gente, pelo amor do pai eterno. Olhem. -dei o celular na mão delas. Eu não sabia o que pensar. Acabou. Tipo, a agora a história se torna somente minha e dele. E tava dificil processar isso!-
Dinha: meu Deeuss Mari: cara , e esse suposto novo amor no final é tu! -gargalhou- Liza: tô passando mal -ri- vou dar um mergulho. -joguei o boné na areia e corri pro mar. Tava vindo uma onda e eu entrei na mesma. Fiquei por lá um pouquinho esfriando os miolos e depois saí. Fiquei lá fofocando com as meninas ainda sem acreditar como seria minha relação com o Ph agora. [...] Agora são 17:40. Caralho as meninas seguraram a gente aqui até essa hora. Acabamos de comprar um pastel porque eu já tava morrendo de fome. Entramos no carros e partimos pra casa. No caminho meu pai ligou o som numa rádio lá e tava tocando Rihanna acho.Fui ouvindo, olhando pra janela e pensando naquela reportagem. Será que ele já viu? Ai meu Deus! Chegando em casa, desci do carro pro meu pai por ela na garagem, peguei a chave de casa com ele e fui. Me despedi dos tios e entrei. As meninas vieram atrás de mim não sei porque. Tão estranhas demais. Fui indo pro meu quarto e vi que o mesmo tava com a porta fechada. Eu fechei?. Abri a porta e achei que fosse desmaiar com o que eu vi.- Liza: meu Deus!! Que isso?? -coloquei a mão na boca ao ver meu quarto repleto de pétalas de rosa vermelhas por toda a parte. Na cama, no chão, em cima das minhas coisas, no computador, e algumas até na janela! Minhas mãos ficaram trêmular e suadas enquanto eu tentava entender como isso aconteceu com o meu quarto. A primeira pessoa que me veio na cabeça foi ele. Ele! O cara que mexe com todos os meus orgãos ao mesmo tempo. Fui entrando e nesse momento meus olhos marejaram em pensar no que ele pretendia com isso. Olhei pras meninas e elas sorriram assustadas assim como eu. Meu coração foi ficando acelerado com o susto que eu levei.- gente .. como? .. quê que.. Dinha: foi ele amiga -sorriu- Liza: foi né ? -ela e a Mari assentiram. Sorri grandemente e me abaixei. Peguei naquelas pétalas.- ele é maravilhoso cara. Como ele me dá um susto desses? -me levantei de novo e quando olhei de novo pra cama tinha uma caixa branca com um laço vermelho envolvendo- a em cima da mesma.- e essa caixa? Mari: abre! -peguei a mesma e abri. Tinha um cartão em cima de um, vestido??. Peguei o vestido- Liza: não, não acredito! Dinha: cara, que vestido lindoooo. Mari: velho , isso deve ter sido caríssimo. Liza: gente, eu vi esse vestido ontem numa vitrine quando tava voltando da festaaaa! Não acredito que ele comprou. Não tenho nem o que falar cara. Dinha: lê o cartão! Liza: é, vou ler -ri e peguei. Tava escrito meu nome atrás. Abrie comecei a ler.- "Assustou amor? haha. Espero que tenha sido um bom susto. Bom eu ainda não sei como expressar todo o sentimento que eu tenho por você. Mas o pouco que eu consigo é de total coração.Por que nada nessa vida me faz me sentir tão feliz do que te ouvir dando risada.Do que te ver sorrir quando me vê. Do saber que tenho você do meu lado,agora pro resto das nossas vidas. E você é quem tem a melhor forma de me olhar, de me beijar, de me fazer carinho, de me implicar, de me amar! Tudo isso pra mim não tem preço. Eu prometi, e vou cumprir. Vou te fazer a mulher mais feliz desse mundo..Quero que você vista esse vestido, se arrume e tente ficar ainda mais linda pra mim. Ás 20:30 sua carruagem chega minha princesa. Eu te amo ! Do seu amor : Paulo Henrique". Minhas lágrimas já haviam molhado aquele cartão. Como ele consegue ser tão perfeito.- Liza: gente, paaara o mundo que eu quero descer -rimos- ceis sabiam disso né ? -elas riram e assentiram- vacaaaas -dei um tapa nelas- Flávia: minha filha, que isso ?? RODRIGO VEM AQUI -gritou meu pai e foi entrando. Olhei pra ela ainda limpando as lágrimas e dei risada- Liza: ai mãe, nem sei o que dizer -ri e meu pai apareceu na porta- Rodrigo: que isso Lizandra ????? -entrou e eu apenas sorri- Liza: acho que isso é consequência daquela longa história que eu disse pra vocês -ri- Flávia: nossa mais esse garoto deve ser maluco por você! Dinha: ele é tia -riu- Rodrigo: e pra quê ele sujou teu quarto todo? -olhei pro meu pai e apenas levantei uma das minhas sombrancelhas. Ele já entendeu e deu risada- tô brincando -riu- vê se ele não tá debaixo da cama aí -riram- Flávia: e o que ele pretende com isso ? Liza: não sei , mais hoje a noite eu descubro. Rodrigo: ele vai vir aqui? Liza: calma pai af -ele riu- Flávia: e agora pra limpar tudo isso hein? Mari: a gente ajuda tia. Liza: calma, deixa eu registrar primeiro -peguei meu iphone e tirei uma foto.- vou pegar uns sacos de lixo, a gente coloca as pétalas lá que eu vou guardar no quarto de hóspedes. Rodrigo: ai meu Deus, vai guardar isso? Da próxima vez fala pra ele enxer teu quarto de x-burguer que aí nois come invés de guardar -gargalharam- Liza: hahaha, tá cheio de graça né seo Rodrigo? Quero ver quando tiver frente a frente com ele. Rodrigo: porque? Liza: nada -ri- vai ,deixa a gente limpar aqui. -ele saiu. Mostrei pra minha mãe o vestido, o cartão e tal. Ela tava ficando mais animada do que eu. Depois peguei uma sacola, e guardei algumas pétalas. Claro que não vou guardar tudo. Mais alguma lembrança eu tenho que ter. Sério, minha vontade é de mostrar isso pro mundo todo. Mostrar minha felicidade e todo amor que eu tô recebendo. Será que eu mereço? [...] Agora são sete e meia da noite. Passei o dia inteiro aflita. Eu já quase desmaiei com o que meu quarto virou, imagina o que tem por vir? Bom, tá na hora. Fui pro banheiro, tomei um banho demorado, saí vesti minhas peças íntimas, passei meus cremes, coloquei aquele vestido maravilhoso que o Ph me deu, liguei a chapinha, arrumei meu cabelo com ela e tal. Fiz uma make marcada e bem feita,coloquei uns acessórios, e quando fui procurar uma gargantilhazinha pra pôr, acabei pegando na mão aquela que eu tava usando quando conheci o Ph. Quando tivemos nosso primeiro contato, não muito legal mais, com certeza foi um encontro de almas. Era tão linda, um pingente com as iniciais dele. "PH". Sorri olhando e decidi colocá-la. E como nos velhos tempos, fui em frente ao espelho e coloquei cheia de esperança. Passei perfume, peguei uma sandalhinha delicada que combinasse com o vestido. Coloquei, arrumei minha bolsinha e peguei meu iphone. Olhei era e eram oito em ponto! Tinha um whats, abri e era do Ph.- ~Henrique  ~ tô aqui fora , vemmm (19:59) Pontual kk Lindo!. Peguei tudo e saí.- Liza: Mãe , pai , tô indo -falei sorrindo e olhando pra ele na sala- Flávia: Deus te abençoe e Juizo Liza: calma mãe,não vou casar -ri- Rodrigo: vai saber se ele não te leva pra igreja agora -rimos , eu mandei beijos no ar e fui. Olhei pra varanda e ele estava lá parecendo um príncipe, encostado no capô do carro, com as mãos no bolso da calça me olhando. Aquilo me lembrou nosso primeiro jantar juntos, na cachoeira. Ele veio me buscar e eu o encontrei daquele jeito. Ai ai .. meu coração kk Sorri e desci. Ele me estendeu a mão, eu peguei- Liza: você não existe cara! Ph: claro que existo, tô aqui ó, todinho seu. -ri- cê tá muito linda cara. Liza: culpa sua -sorri- pra onde vamos? -olhei pro carro e fui indo pra porta. E ele me segurou pela mão.- Ph: perai, vem cá -tirou do bolso um treco preto, e quando estendeu era uma venda.- Liza: vai por isso em mim??? -ele riu e fez sinal pra eu virar e costas. Gargalhei e virei. Ele colocou em mim e eu não vi mais nada. Ele me guiou até o carro e me colocou lá dentro. Logo ouvi ele batendo outra porta e senti a presença dele já dentro do carro. Ligou o mesmo e partiu. Ligou o som no Jorge e Mateus e fomos assim.- Liza: velho que sensação estranha -ele riu- Ph: vai, não vamo falar mais nada. Quero que tu escute tudo e vê se adivinha pra onde a gente tá indo. Liza: ai meu Deus, vai me deixar maluca Ph: shhiiii -eu ri e me calei né kk. Fui ouvindo cada ruidinho. As vezes eu gargalhava do nada e ele me beliscava sem que eu pudesse me defender. Uma hora do caminho vi que o barulho da pista mudou, parecia que tava na terra sei lá. Em mais alguns minutos vi que o carro parou.- Ph: chegamosss Liza: posso tirar a venda? Ph: não! -ouvi ele descendo do carro e abrindo a porta do meu lado, me tirou de lá segurando minha mão. Assim que desci senti um cheirinho bem .. diferente. Ouvi uma música beeem baixinha mais não dava pra indentificar.- eai , onde a gente tá? Liza: não sei .. -ele foi me levando. comecei a subir uma ladeira- esse cheiro .. parece .. é .. mato? Ph: hmmm , uma dica, tu conhece esse lugar? Liza: eu conheço um lugar que cheira mato? -ri e paramos- Ph: sabe ou não sabe? -pensei mais um pouco. Que lugar era aquele? na terra, com ladeira, cheira mato e eu conheço .. hmm .. - Liza: PUTZ! eu sei eu sei sei -ri- Ph: fala -riu- Liza: a gente tá indo pra aquela cachoeira do nosso primeiro encontro? Ph: AEEE -tirou minha venda- merece um beijo -me deu um selinho e eu ri. Hoje não tava muito escuro, fomos subimos um pouco mais e logo ouvi barulho da água. A sensação era mais maravilhosa do que da primeira vez. Eu não podia beijá-lo, abraçá-lo e agora eu posso. Chegando lá em cima, fomos pras rochas em que sentamos aquele dia- Liza: aiiii amooor , que isso? que lindooo -falei assim que vi o clima que ele tinha criado. Havia algumas almofadas, velas, uma garrafa de vinho e uma bandeja tipo aquelas de café na cama sabe ? kk Em pezinha acho que com o nosso jantar kk. No meio das almofadas avistei uma caixinha bem pequeninha vermelha. Não falei nada e apenas fui me aproximando. Ele também foi chegando perto, me virei de novo pra ele, sorri , ele pegou minha cintura e me deu um selinho forte.- Ph: vamo sentar? -assenti e fui sentando- Liza: e essa música? Ph: a caixinha de música deve ter caído no mato -gargalhamos e no fim vi que ele estava me olhando fixamente.- que foi ? Ph: no teu pescoço Liza: ah, peguei nela sem querer hoje e coloquei. -ele apenas assentiu. Achei estranho- Ph: trás a caixinha mais pra cá enquanto eu arrumo direitinho a comida. Liza: tá loco , vou entrar no mato? -rimos- Ph: não tá no mato amor,eu tava brincando -riu, eu balancei a cabeça negativamente e levantei.Tirei a sandália porque na pedra não dava muito certo, fui até lá e a caixinha não tava onde eu imaginei, me abaixei pra olhar,tava escuro, mais pela música eu tinha achado. Peguei a mesma,e assim que me virei pra voltar, o Henrique estava de frente pra mim- Liza: AI, que susto -ri com a mão no coração. Ele estava sério novamente.- Ph: já te falei que cê ta linda hoje? -sorri e coloquei a caixinha no chão- Liza: já, mais não me importo de ouvir mais vezes -ele sorriu de novo- Ph: sabe, eu poderia amar qualquer outra pessoa, uma menos complicada ou menos chorona e dramática -ri- mas meu coração te escolheu por alguma razão. Não tem como explicar o que eu sinto por você, só sei que é intenso e verdadeiro e que nunca senti isso antes. Sem você tudo fica tão coisado, sem graça é como se parte de mim fosse arrancada e ficasse só um vazio.. -meus olhos começaram a marejar- Conto os minutos para poder falar com você, estar com você, nos teus braços, sentir teus lábios quentes nos meus. Quando tô contigo é como se eu estivesse numa bolha, e que nada ao redor importa pra mim. Velho,eu não quero mais e nem posso mais te perder nunca porque você já virou parte de mim. Da minha existência, da minha essência. Da alma -meu coração parecia pular e as primeiras lágrimas apareceram- Não nego que as vezes você me irrita muito,mais me ganha muito fácil com um simples sorriso, ou quando você mexe no cabelo daquele jeitinho tão inocente -sorri engolindo algumas lágrimas.- E eu quero que você continue cuidando de mim. Até eu perceber que os meus cabelos estão ficando brancos e suas primeiras rugas estão aparecendo. E eu não vou dizer nada, vou deixar o tempo passar, contando que eu esteja durmindo e acordando com o teu corpo preso no meu. Larguei minha vidinha chata e sem graça por você, e tenha certeza que eu faria tudo e mais um pouco pra viver tudo o que eu sinto por você. Você pode me achar idiota e mentiroso, e se achar isso, me deixa mentir mais um pouco então? pra te fazer feliz! -no meu rosto rolavam lágrimas e eu apenas assenti.- então, Lizandra, -pegou do bolso aquela caixinha que eu já tinha visto e eu ge-lei.- você aceita, ser minha, e namorar comigo? -engoli seco. Meu Deus, como eu sonhei com isso. E agora .. Aconteceu. Peguei, naquele pingente da gargantilha, apertei o mesmo e assenti.- Liza: é tudo o que eu sempre quis -minha voz embargou e ele abriu aquela caixinha. Lá dentro, tinham duas lindaaaaassss alianças. Ele pegou minha mão, e colocou a minha. Eu já estava soluçando de tanto chorar. Pegueu a outra a coloquei em seu dedo.- Ph: para de chorar, tá feliz? Liza: muito -abracei ele que beijou minha cabeça.- Ph: vamo jantar? -assenti limpando as lágrimas. Sentamos lá e era um japaaa, com tudo que se tem direito. Enfim, comemos entre conversas, depois nos deitamos juntinhos pra observar o céu. Como naquele dia. Conversamos sobre tudo, e a cada minutos eu me via me apaixonando mais. Depois de algumas horas, a gente pegou tudo e foi indo embora. Afinal amanhã cedinho eu viajo. Quando chegamos lá em casa ainda não era muito tarde então ficamos uns minutinhos na pracinha pra se despedir né. Tiramos algumas fotos, e uma das mãos de novo. Ele me disse que ia postar, falei um monte e ele nem se intimidou kk.- Liza: agora eu tenho que ir meeeesssmo, meia noite já -falei olhando o celular- Ph: aii meu Deus já? Liza: já -ri e ele fez uma carinha de triste, me deu um abraço que acabou virando um beijo. As nossas linguas naquela sintonia tão perfeita, que me fazia ver aquele céu de novo. A intensidade ia ficando bem mais claro, ele colocou a mão na minha cintura. Quando vi que as coisas tavam esquentando, empurrei ele.- tenho que ir, sério -dei mais um selinho- Ph: tá bom, vai lá. Muito juizo, me liga sempre que der. Liza: sempreee! Te amo muito Ph: também te amo demais -sorrimos um pro outro e eu me afastei. Corri pra casa. Assim que entrei meus pais já estavam durmindo. Fui pro meu quarto e me joguei na cama. A felicidade me dominada de forma incalculável. Fiquei minutos parada ali só pensando se tudo o que aconteceu tinha sido mesmo real. Peguei meu celular pra ver nossas fotos e fiquei viajando naquilo. Olhei pras nossas mãos juntinhas e decidi postar.- 
lizalbuquerque:   
brilhaliza: aii meu Deeeeus, é o Ph????? neymarjr: bonita sua unha   meninasdotois: velho, de novo foto assim? É o Ph ctzzzz taiscunha: que romântico rs orgulhoph:   pridenjr: comentário do Junior kkkkk lailastos: hmmmm , que lindoooos rafaellabeckran: amores amorpeloph: para, ele acabou de postar a mesma foto .. to no chãooooo !! gansasdoganso: ai meu core, scrr jesusss , vou infartar kkkk samsungphganso10:
Fui olhar o insta "dele" e não é que ele postou mesmo? Kk quer problema. Nem vi os comentarios dele, não vou me extressas hoje. Apenas comentei um coração. Depois saí fui me trocar, coloquei meu pijama e deitei. Com certeza terei bons sonhos hoje ..
~Liza off~
~Mari on~ Depois de ontem não passei mais mal. Hoje de manhã comprei um remédio pra enjoo, e parou graças a Deus. Não queria viajar assim. Aliássss, é hoje, é agora, vai ser a melhor viajem da minha vidaaa !! Acabei de despertar, agora são 6:00. E temos que estar na escola ás 8:00. Levantei no pique, tomei um banho rápido, me troquei colocando o Kit da Forma, arrumei meu cabelo , e tudo rapidãooo. Peguei minha mala, minha bolsa, tudo, e fui pra cozinha.- Mari: bom diaaa Sérgio: bom dia, animada? Mari: muito muito muito Luciana: vê se toma um café reforçado. Mari: combinei com as meninas de tomar café na padoca, vim só me despedir. -dei um beijo e um abraço no meu pai.- Sérgio: muito juizo viu mocinha? Boa viagem e quando chegar ligaaa Mari: sim senhor -fiz o mesmo na minha mãe- Luciana: boa viagem filha, aproveita, sem beber do copo de ninguém viu? Juizo, quando entrar no ônibus me liga Mari: pode deixar, beeeijo , amo vocês -saí correndo e quando cheguei lá fora as meninas tavam me esperando tudo afobada. Nos encontramos e fomos direto pra padaria. Lá tomamos nosso café beeeem reforçado, aproveitei e tomei mais um remedinho do enjoo. Quando terminamos, pegamos um taxi, por causa das malas e fomos pra escola. Em pouquissimos minutos chegamos lá, pagamos, descemos, e a farra já tava comendo solta antes de o bus chegar. Ansiedade dominabdo todo mundo, mais de boa , daqui a pouco o bus chega, pra levar a gente pro aeroporto de Sp, e aaaí .. #PARTIU PORTO !! [...]




CONTINUA

Olá neniss desculpa a demora meninas, mas como a copa está chegando os trabalhos na escola triplicaram, mas agora que está tudo em ordem, voltamos com tudo! Tá aí mais um capítulo pra vcs, esperamos que gostem e olhaa, no próximo capítulo tem a viagem das meninas pra Porto! Avisando que, somente uma personagem vai narrar essa viagem, pois vai ser muuuito importante pra ela. Quem ? A Mari rs. Beijinhos no core, e comenteeeeeem

53 comentários:

  1. Até que enfim. até que enfim. até que enfim.... ♪♪♪♪♪ kkk já pode continuar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kkkkk
      Q U E. P E R F E I T O !!!! Eu ameeeeeei esse capitulo. Amooooo essa fic. Amoooooo vcs vlh! Kkk namoral, muito toop <3 -Maari

      Excluir
  2. awnt ameii o cap o Ph pedindo a Liza em namoro foi lindo, já pode postar o proximo capitulo pq eu to super curiosa, bjus amo vcs *-----*

    ResponderExcluir
  3. Cpaitulo perfeito. tomara q a mari fique bem na viagem

    ResponderExcluir
  4. LOVEEEEEEEEEEEEEEEEEE

    ResponderExcluir
  5. Essa mari gradiva acabou com meu emocional cara. (certeza j´a que ela ta gravida) rs

    ResponderExcluir
  6. Ainnnn já quero o próximo e espero que nem as meninas e nem os meninos aprontem nada. Acho que a Mari tá grávida e tal kkkk. Bj Van

    ResponderExcluir
  7. Adorei o Juninho fugindo da putinha lá haha

    ResponderExcluir
  8. Ela postoooooouuuu UHUUUU

    ResponderExcluir
  9. cADA VEZ EU QUERO MAAAAAAAAAAAAAAAAAAAIIIIIIIISSSSSSSSS

    ResponderExcluir
  10. Amei o cap. voces três escrevem Bem demais

    ResponderExcluir
  11. Juninho ta de parabens

    ResponderExcluir
  12. Faz partes do Ju e da Dinha mais longas..Ta perfeito continuaa!

    ResponderExcluir
  13. PERFEIÇÃO defini
    #Rafa. cnt .....

    ResponderExcluir
  14. Amei a dinha revolts kkkk ... que casal romantico e fofo gente awn *--+ perfeitos u.u .... a minha aposta e a mari descubrir q ta gravida na viagem e ficar cm medo de contar pro gil ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menis!! Me coloka no grupo do whats (73) 81793990

      Excluir
  15. =O Queeee Capiiituulooo peeerfeeect ♥♥♥♥♡♡♡♡♡♡ Cooontt loogoooo !!

    ResponderExcluir
  16. mano q perfeitooooooooooooooooo, ai meu core <3 uhuuuul

    ResponderExcluir
  17. Perfeito quero mais pra ontem pelo amor de deus

    ResponderExcluir
  18. Que capitulo bom cara

    ResponderExcluir
  19. To in love com esse blog

    ResponderExcluir
  20. meu emocional ja era !!!! <3 amo amo ! Mari querida VAI NO MEDICOOO AHAHAHAH

    ResponderExcluir
  21. ++++++++++++++++++++

    ResponderExcluir
  22. Concordo com a menina ali.... To preocupada com a Mari já! ELAAA TEM Q IR NO MEDICO LOGOOOO

    ResponderExcluir
  23. Amandooooooooooooooooo *-------* que lindo o pedido de namoro,chorei :')

    ResponderExcluir
  24. Demorei mas cheguei continua q eu amei

    ResponderExcluir
  25. Aí meu Deus, já to doida com essa viagem. continua

    ResponderExcluir
  26. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Affff ¬¬ Queria perguntar quando que começa a segunda temporada? Já to imaginando aqui tudo isso.... kkkkk e ta parecendo que não vai demorar

      Excluir
  27. mds perfeito continuaaaaa

    ResponderExcluir
  28. já pararam pra pensar q talvez essa cobrança toda fazisso? a cobrança e a demora, na minha opniao , faz bastante gente paraar de ler :/ não q eu tenha feit isso... é só oq eu acho das pessoas ..... enfim. o cap ta perfeito pra caraleo....... contiuem

    ResponderExcluir